dfp053 Domingo – Próprio 12

dfp053 Domingo, 29 de julho de 2018 : Próprio 12 (TC17)

Ano A: Gênesis 29:15-28; Salmo 105:1-11, 45b; ou Salmo 128; Romanos 8:26-39; Mateus 13:31-33,44-52 OU I Reis 3:5-12; Salmo 119:129-136; Romanos 8:26-39; Mateus 13:31-33,44-52

Ano B: II Samuel 11:1-15; Salmo 14; Efésios 3:14-21; João 6:1-21 OU II Reis 4:42-44; Salmo 145:10-18; Efésios 3:14-21; João 6:1-21

Ano C: Oseias 1:2-10; Salmo 85; Colossenses 2:6-15 [16-19]; Lucas 11:1-13 OU Gênesis 18:20-32; Salmo 138; Colossenses 2:6-15 [16-19]; Lucas 11:1-13

Próprio 12, domingo de 24 a 30 de julho (Tempo Comum 17): Benigno Deus, desperta em nossos corações a busca da prática da justiça a todas as pessoas, na partilha de nossos bens e conhecimentos, de modo que possamos contribuir com o teu projeto de vida plena para a humanidade. Por nosso Senhor Jesus Cristo, que vive e reina contigo e com o Espírito Santo, um só Deus, agora e sempre. Amém.
* Prefácio do Dia do Senhor (Para ser usado somente aos domingos).
De Deus Pai
Pois Tu és a fonte da luz e da vida; fizeste-nos à tua imagem e nos chamaste a uma vida nova em Jesus Cristo, nosso Senhor.
De Deus Filho
Mediante Jesus Cristo, nosso Senhor, que, no primeiro dia da semana, venceu a morte e o túmulo, e, por sua gloriosa ressurreição, nos abriu as portas da vida eterna.
De Deus Espírito Santo
Porque nos fizeste nascer da água e do Espírito Santo, tornando-nos teu povo, em Jesus Cristo, nosso Senhor, para manifestar a tua glória ao mundo.

barra16
Ano A:
Gênesis 29:15-28; Salmo 105:1-11, 45b; ou Salmo 128; Romanos 8:26-39; Mateus 13:31-33,44-52 OU I Reis 3:5-12; Salmo 119:129-136; Romanos 8:26-39; Mateus 13:31-33,44-52

Gênesis 29:15-28
15 Labão disse a Jacó: «O fato de ser parente meu não é motivo para que você me sirva de graça. Diga-me qual deve ser o seu salário». 16 Ora, Labão tinha duas filhas: a mais velha se chamava Lia e a mais nova Raquel. 17 Os olhos de Lia eram meigos, porém, Raquel tinha um belo porte e um lindo rosto. 18 E Jacó amou Raquel. Então Jacó disse a Labão: «Eu o servirei durante sete anos em troca de sua filha mais nova, Raquel». 19 Labão respondeu: «É melhor dá-la a você do que a outro qualquer. Fique comigo».20 Jacó serviu sete anos por Raquel, e estava tão apaixonado que os anos lhe pareceram dias. 21 Depois Jacó disse a Labão: «Terminou o prazo: me dê minha mulher, para que eu viva com ela». 22 Labão reuniu todos os homens do lugar, e lhes ofereceu um banquete. 23 À noite, pegou sua filha Lia, e a levou para Jacó. E Jacó dormiu com ela. 24 Labão deu sua serva Zelfa como serva para sua filha Lia. 25 Na manhã seguinte, Jacó descobriu que era Lia, e disse a Labão: «O que você fez comigo? Não foi por Raquel que eu o servi? Por que você me enganou?» 26 Labão respondeu: «Em nossa região não é costume que a mais nova se case antes da mais velha. 27 Termine esta semana de núpcias, e eu lhe darei também a outra em troca do serviço que você me fará durante outros sete anos».28 Jacó aceitou. Terminou a semana de núpcias, e Labão lhe deu sua filha Raquel como mulher. 29 Labão deu sua serva Bala como serva para a sua filha Raquel. 30 Jacó uniu-se a Raquel, e amou a Raquel mais do que a Lia. E serviu na casa do seu tio outros sete anos.

 

Salmos Litúrgicos Livro IV Vigésimo Primeiro Dia: Oração Matutina
Salmo 105:1-11,45b Confitemini Domino
RENDAM graças ao SENHOR, invoquem o seu Nome; * façam conhecidos os seus feitos entre os povos.
2 Cantem-lhe, cantem-lhe louvores; * meditem em todas as suas maravilhas.
3 Gloriem-se no seu santo Nome, * regozije-se o coração de que busca o SENHOR.
4 Busquem o SENHOR e a sua fortaleza. * Busquem perpetuamente a sua face.
5 Lembremse das maravilhas que tem feito, * dos seus milagres e dos julgamentos, que proferiu.
6 Vocês, descendência de Abraão, seu servo, * vocês, descendência de Jacó, sua escolhida.
7 Ele é o SENHOR nosso Deus; * os seus julgamentos estão em toda a terra.
8 Lembrem-se para sempre da sua aliança; * da palavra que ordenou para milhares de gerações.
9 Da aliança que fez com Abraão, * e do juramento que fez a Isaque.
10 E confirmou a Jacó por decreto, * a Israel por aliança perpétua.
11 Dizendo: A ti darei a terra de Canaã, * como parte da herança de vocês.
45b* e observassem as suas leis.

ou

Salmos Litúrgicos Livro V Vigésimo Sétimo Dia: Oração Vespertina
Salmo 128 Beati omnes
FELIZ quem teme ao SENHOR, * e anda nos seus caminhos.
2 Pois comerás do trabalho de tuas mãos, * serás feliz e tudo te correrá bem.
3 Tua mulher será como videira frutífera, no interior de tua casa; * teus filhos, quais rebentos de oliveira, ao redor de tua mesa.
4 Assim será abençoado o homem * que teme ao SENHOR.
5 De Sião o SENHOR te abençoará, * e verás a prosperidade de Jerusalém, todos os dias de tua vida.
6 Verás também os filhos de teus filhos. * Que a paz seja sobre Israel!

 

Romanos 8:26-39
26 Do mesmo modo, também o Espírito vem em auxílio da nossa fraqueza, pois nem sabemos o que convém pedir; mas o próprio Espírito intercede por nós com gemidos inefáveis. 27 E aquele que sonda os corações sabe quais são os desejos do Espírito, pois o Espírito intercede pelos cristãos de acordo com a vontade de Deus.
28 Sabemos que todas as coisas concorrem para o bem dos que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o projeto dele. 29 Aqueles que Deus antecipadamente conheceu, também os predestinou a serem conformes à imagem do seu Filho, para que este seja o primogênito entre muitos irmãos. 30 E aqueles que Deus predestinou, também os chamou. E aos que chamou, também os tornou justos. E aos que tornou justos, também os glorificou.
31 O que nos resta dizer? Se Deus está a nosso favor, quem estará contra nós? 32 Ele não poupou seu próprio Filho, mas o entregou por todos nós. Como não nos dará também todas as coisas junto com o seu Filho? 33 Quem acusará os escolhidos de Deus? É Deus quem torna justo! 34 Quem condenará? Jesus Cristo? Ele que morreu, ou melhor, que ressuscitou, que está à direita de Deus e intercede por nós?
35 Quem nos poderá separar do amor de Cristo? A tribulação, a angústia, a perseguição, a fome, a nudez, o perigo, a espada? 36 Como diz a Escritura: «Por tua causa somos postos à morte o dia todo, somos considerados como ovelhas destinadas ao matadouro.» 37 Mas, em todas essas coisas somos mais do que vencedores por meio daquele que nos amou. 38 Estou convencido de que nem a morte nem a vida, nem os anjos nem os principados, nem o presente nem o futuro, nem os poderes 39 nem as forças das alturas ou das profundidades, nem qualquer outra criatura, nada nos poderá separar do amor de Deus, manifestado em Jesus Cristo, nosso Senhor.


Mateus 13:31-33,44-52
31 E Jesus contou outra parábola: «O Reino do Céu é como uma semente de mostarda que um homem pega e semeia no seu campo. 32 Embora ela seja a menor de todas as sementes, quando cresce, fica maior do que as outras plantas. E se torna uma árvore, de modo que os pássaros do céu vêm e fazem ninhos em seus ramos.»
33 Jesus contou-lhes ainda outra parábola: «O Reino do Céu é como o fermento que uma mulher pega e mistura com três porções de farinha, até que tudo fique fermentado.»
44 «O Reino do Céu é como um tesouro escondido no campo. Um homem o encontra, e o mantém escondido. Cheio de alegria, ele vai, vende todos os seus bens, e compra esse campo. 45 O Reino do Céu é também como um comprador que procura pérolas preciosas. 46 Quando encontra uma pérola de grande valor, ele vai, vende todos os seus bens, e compra essa pérola.» 47 «O Reino do Céu é ainda como uma rede lançada ao mar. Ela apanha peixes de todo o tipo. 48 Quando está cheia, os pescadores puxam a rede para a praia, sentam-se e escolhem: os peixes bons vão para os cestos, os que não prestam são jogados fora. 49 Assim acontecerá no fim dos tempos: os anjos virão para separar os homens maus dos que são bons. 50 E lançarão os maus na fornalha de fogo. Aí eles vão chorar e ranger os dentes.» 51 «Vocês compreenderam tudo isso?» Eles responderam: «Sim.» 52 Então Jesus acrescentou: «E assim, todo doutor da Lei que se torna discípulo do Reino do Céu é como pai de família que tira do seu baú coisas novas e velhas.»


OU


I Reis 3:5-12
5 Em Gabaon, durante a noite, Javé apareceu em sonhos a Salomão. Deus lhe disse: «Peça. O que lhe posso dar?» 6 Salomão respondeu: «Tu demonstraste grande amor para com o teu servo Davi, meu pai, porque, diante de ti, ele caminhou na fidelidade, na justiça e na retidão de coração para contigo. Tu guardaste para com ele esse grande amor e lhe deste um filho que hoje se assenta no trono dele. 7 Agora, Javé meu Deus, és tu que fazes teu servo reinar no lugar de meu pai Davi. Eu sou bem jovem e não sei como governar. 8 O teu servo se encontra no meio do teu povo que escolheste, povo numeroso que não se pode contar nem calcular, de tão grande que é. 9 Ensina-me a ouvir, para que eu saiba governar o teu povo e discernir entre o bem e o mal. Pois quem poderia governar esse teu povo tão numeroso?» 10 Agradou ao Senhor que Salomão tivesse pedido essas coisas. 11 Então Deus disse para ele: «Porque você pediu isso, e não vida longa para você, nem riquezas, nem a morte de seus inimigos, mas discernimento para ouvir e julgar, 12 eu farei o que você pediu. Darei a você mente sábia e inteligente, como ninguém teve antes de você e ninguém terá depois.


Salmo 119:129-136
Salmos Litúrgicos Livro V Vigésimo Sexto Dia: Oração Matutina
Salmo 119:129-136 XVII. Mirabilia
129 MARAVILHOSOS os teus testemunhos! * Minha alma os guarda como um tesouro.
130 O conhecimento de tuas palavras esparge luz, * dando entendimento aos simples.
131 Abro minha boca e respiro; * porque anseio por teus mandamentos.
132 Põe os teus olhos sobre mim e de mim tem misericórdia, * como fazes para com os que amam o teu Nome.
133 Firma meus passos na tua vereda santa, * e vaidade alguma me dominará.
134 Livra-me da opressão humana, * para que me seja dado seguir os teus preceitos.
135 Faze resplandecer a tua face sobre esta pessoa que te serve, * e ensina-me os teus testemunhos.
136 Enchem-se os meus olhos de lágrimas, ó SENHOR, * quando vejo que há quem despreze a tua lei.

 

Romanos 8:26-39
26 Do mesmo modo, também o Espírito vem em auxílio da nossa fraqueza, pois nem sabemos o que convém pedir; mas o próprio Espírito intercede por nós com gemidos inefáveis. 27 E aquele que sonda os corações sabe quais são os desejos do Espírito, pois o Espírito intercede pelos cristãos de acordo com a vontade de Deus.
28 Sabemos que todas as coisas concorrem para o bem dos que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o projeto dele. 29 Aqueles que Deus antecipadamente conheceu, também os predestinou a serem conformes à imagem do seu Filho, para que este seja o primogênito entre muitos irmãos. 30 E aqueles que Deus predestinou, também os chamou. E aos que chamou, também os tornou justos. E aos que tornou justos, também os glorificou.
31 O que nos resta dizer? Se Deus está a nosso favor, quem estará contra nós? 32 Ele não poupou seu próprio Filho, mas o entregou por todos nós. Como não nos dará também todas as coisas junto com o seu Filho? 33 Quem acusará os escolhidos de Deus? É Deus quem torna justo! 34 Quem condenará? Jesus Cristo? Ele que morreu, ou melhor, que ressuscitou, que está à direita de Deus e intercede por nós?
35 Quem nos poderá separar do amor de Cristo? A tribulação, a angústia, a perseguição, a fome, a nudez, o perigo, a espada? 36 Como diz a Escritura: «Por tua causa somos postos à morte o dia todo, somos considerados como ovelhas destinadas ao matadouro.» 37 Mas, em todas essas coisas somos mais do que vencedores por meio daquele que nos amou. 38 Estou convencido de que nem a morte nem a vida, nem os anjos nem os principados, nem o presente nem o futuro, nem os poderes 39 nem as forças das alturas ou das profundidades, nem qualquer outra criatura, nada nos poderá separar do amor de Deus, manifestado em Jesus Cristo, nosso Senhor.

 

Mateus 13:31-33,44-52
31 E Jesus contou outra parábola: «O Reino do Céu é como uma semente de mostarda que um homem pega e semeia no seu campo. 32 Embora ela seja a menor de todas as sementes, quando cresce, fica maior do que as outras plantas. E se torna uma árvore, de modo que os pássaros do céu vêm e fazem ninhos em seus ramos.»
33 Jesus contou-lhes ainda outra parábola: «O Reino do Céu é como o fermento que uma mulher pega e mistura com três porções de farinha, até que tudo fique fermentado.»
44 «O Reino do Céu é como um tesouro escondido no campo. Um homem o encontra, e o mantém escondido. Cheio de alegria, ele vai, vende todos os seus bens, e compra esse campo. 45 O Reino do Céu é também como um comprador que procura pérolas preciosas. 46 Quando encontra uma pérola de grande valor, ele vai, vende todos os seus bens, e compra essa pérola.» 47 «O Reino do Céu é ainda como uma rede lançada ao mar. Ela apanha peixes de todo o tipo. 48 Quando está cheia, os pescadores puxam a rede para a praia, sentam-se e escolhem: os peixes bons vão para os cestos, os que não prestam são jogados fora. 49 Assim acontecerá no fim dos tempos: os anjos virão para separar os homens maus dos que são bons. 50 E lançarão os maus na fornalha de fogo. Aí eles vão chorar e ranger os dentes.» 51 «Vocês compreenderam tudo isso?» Eles responderam: «Sim.» 52 Então Jesus acrescentou: «E assim, todo doutor da Lei que se torna discípulo do Reino do Céu é como pai de família que tira do seu baú coisas novas e velhas.»

barra16
Ano B:
II Samuel 11:1-15; Salmo 14; Efésios 3:14-21; João 6:1-21 OU II Reis 4:42-44; Salmo 145:10-18; Efésios 3:14-21; João 6:1-21

II Samuel 11:1-15
1 Na mudança do ano, quando os reis costumavam sair para a guerra, Davi mandou Joab, seus guerreiros e todo o Israel. Eles foram, massacraram os amonitas e sitiaram a cidade de Rabá. Mas Davi ficou em Jerusalém.
2 Numa tarde, levantando-se da cama, Davi, foi passear no terraço do palácio real. Do terraço, ele viu uma mulher tomando banho. Ela era muito bonita. 3 Davi mandou colher informações sobre essa mulher. Disseram-lhe: «Ela é Betsabéia, filha de Eliam e esposa de Urias, o heteu!» 4 Então Davi mandou emissários para que a trouxessem. Betsabéia foi e Davi teve relações com ela, que tinha acabado de se purificar de suas regras. Depois ela voltou para casa. 5 Em conseqüência disso, Betsabéia concebeu, e mandou dizer a Davi: «Estou grávida!»
6 Então Davi mandou dizer a Joab: «Mande que Urias, o heteu, venha falar comigo». E Joab mandou Urias até Davi. 7 Quando Urias chegou, Davi lhe perguntou como iam Joab, o exército e a guerra. 8 Depois disse a Urias: «Vá para casa e lave seus pés». Urias saiu do palácio e recebeu um presente da mesa do rei. 9 Entretanto, Urias não foi para casa: dormiu na porta do palácio com os guardas do seu senhor. 10 Informaram então a Davi: «Urias não foi para casa». Davi perguntou a Urias: «Você não chegou de viagem? Por que não foi para casa?» 11 Urias respondeu: «A arca, Israel e Judá estão vivendo em tendas, e meu chefe Joab e os guerreiros do meu senhor estão acampados ao ar livre. Como posso ir para minha casa, para comer e beber e dormir com minha mulher? Por sua própria vida, eu nunca faria uma coisa dessas!» 12 Então Davi disse a Urias: «Fique ainda hoje aqui. Amanhã o deixarei partir». Urias ficou mais esse dia em Jerusalém. No dia seguinte, 13 Davi convidou Urias para comer e beber em sua presença, e o embriagou. Pela tarde, Urias saiu e foi deitar-se no mesmo lugar em que dormiam os guardas de seu senhor, e não foi para casa.
14 Na manhã seguinte, Davi escreveu uma carta para Joab e a mandou por meio de Urias. 15 Na carta, ele mandava: «Coloque Urias no lugar mais perigoso da batalha e retirem-se, deixando-o sozinho, para que seja ferido e morra».

 

Salmos Litúrgicos Livro 1 Segundo Dia: Oração Vespertina
Salmo 14 Dixit insipiens
DISSE a pessoa insensata no seu coração: Não há DEUS. * Corromperam e fizeram detestáveis as suas obras; não há quem faça o bem.
2 O SENHOR olhou lá dos céus para a humanidade; * para ver se havia alguém de entendimento, que buscasse a DEUS.
3 Mas todas as pessoas se desviaram e se perverteram; * não há sequer um que faça o bem.
4 Acaso não têm conhecimento as pessoas pecadoras? * Devoram o meu povo e não invocam o SENHOR.
5 Ficam com mrdo, * porque DEUS está com a geração das pessoas justas.
6 Menosprezam as aflições de quem é pobre; * o SENHOR, porém, é o seu refúgio.
7 Oh! Se a salvação de Israel tivesse já vindo de Sião! * Quando o SENHOR acabar com o cativeiro de seu povo, regozije-se então Jacó e alegre-se Israel.


Efésios 3:14-21
14 É por isso que eu dobro os joelhos diante do Pai, 15 de quem recebe o nome toda família, no céu e na terra. 16 Que ele se digne, segundo a riqueza da sua glória, fortalecer a todos vocês no seu Espírito, para que o homem interior de cada um se fortifique. 17 Que ele faça Cristo habitar no coração de vocês pela fé. Enraizados e alicerçados no amor, 18 vocês se tornarão capazes de compreender, com todos os cristãos, qual é a largura e o comprimento, a altura e a profundidade, 19 de conhecer o amor de Cristo, que supera qualquer conhecimento, para que vocês fiquem repletos de toda plenitude de Deus.
20 Deus, por meio do seu poder que age em nós, pode realizar muito mais do que pedimos ou imaginamos; 21 a ele seja dada a glória na Igreja e em Jesus Cristo por todas as gerações, para sempre. Amém!


João 6:1-21
1 Depois disso, Jesus foi para a outra margem do mar da Galiléia, também chamado Tiberíades. 2 Uma grande multidão seguia Jesus porque as pessoas viram os sinais que ele fazia, curando os doentes. 3 Jesus subiu a montanha e sentou-se aí com seus discípulos. 4 Estava próxima a Páscoa, festa dos judeus. 5 Jesus ergueu os olhos e viu uma grande multidão que vinha ao seu encontro.
Então Jesus disse a Filipe: «Onde vamos comprar pão para eles comerem?» 6 Jesus falou assim para testar Filipe, pois sabia muito bem o que ia fazer. 7 Filipe respondeu: «Nem meio ano de salário bastaria para dar um pedaço para cada um.» 8 Um discípulo de Jesus, André, o irmão de Simão Pedro, disse: 9 «Aqui há um rapaz que tem cinco pães de cevada e dois peixes. Mas, o que é isso para tanta gente?»
10 Então Jesus disse: «Falem para o povo sentar.» Havia muita grama nesse lugar e todos sentaram. Estavam aí cinco mil pessoas, mais ou menos. 11 Jesus pegou os pães, agradeceu a Deus e distribuiu aos que estavam sentados. Fez a mesma coisa com os peixes. E todos comeram o quanto queriam. 12 Quando ficaram satisfeitos, Jesus disse aos discípulos: «Recolham os pedaços que sobraram, para não se desperdiçar nada.» 13 Eles recolheram os pedaços e encheram doze cestos com as sobras dos cinco pães que haviam comido.
14 As pessoas viram o sinal que Jesus tinha realizado e disseram: «Este é mesmo o Profeta que devia vir ao mundo.» 15 Mas Jesus percebeu que iam pegá-lo para fazê-lo rei. Então ele se retirou sozinho, de novo, para a montanha.
16 Ao cair da tarde, os discípulos de Jesus desceram ao mar. 17 Entraram na barca e foram em direção a Cafarnaum, do outro lado do mar. Já era noite, e Jesus ainda não tinha ido ao encontro deles. 18 Soprava vento forte e o mar estava agitado. 19 Os discípulos tinham remado mais ou menos cinco ou seis quilômetros, quando viram Jesus andando sobre as águas e aproximando-se da barca. Então ficaram com medo, 20 mas Jesus disse: «Sou eu. Não tenham medo.» 21 Eles quiseram recolher Jesus na barca, mas nesse instante a barca chegou à margem para onde estavam indo.


OU


II Reis 4:42-44
42 Um homem de Baal-Salisa levou, ao homem de Deus, pão da primeira colheita; levou vinte pães de cevada e trigo novo no bornal. Eliseu ordenou: «Distribua a essas pessoas para que comam». 43 Seu servo disse: «Como vou distribuir isso para cem pessoas?» Eliseu insistiu: «Distribua a essas pessoas, para que comam. Porque assim diz Javé: Elas comerão e ainda sobrará». 44 Então o servo os distribuiu. Todos comeram e ainda sobrou, como Javé tinha dito.


Salmos Litúrgicos Livro V Trigésimo Dia: Oração Matutina
Salmo 145:10-18 Exaltado te, Deus
10 Todas as tuas obras te louvam, ó SENHOR, * e quem é fiel a ti, te bendize.
11 Falarão da glória de tua majestade, * e relatarão teus feitos maravilhosos,
12 Para que o reino, o poder, e a glória, que são teus, *sejam reconhecidos pela humanidade.
13 Teu reino é por toda a eternidade, * e teu domínio subsiste por todas as gerações.
14 O SENHOR ampara quem está prestes a cair, * e torna a levantar todas as pessoas abatidas.
15 Os olhos de todos esperam em ti, ó SENHOR, * e lhes dás seu mantimento em próprio tempo.
16 Abres a tua mão, * e nutres com fartura a todos os vivos.
17 Justo é o SENHOR em todos os seus caminhos, * e santo em todas as suas obras.
18 Perto está o SENHOR de todas as pessoas que o invocam, * de todas as que o invocam em verdade.

 

Efésios 3:14-21
14 É por isso que eu dobro os joelhos diante do Pai, 15 de quem recebe o nome toda família, no céu e na terra. 16 Que ele se digne, segundo a riqueza da sua glória, fortalecer a todos vocês no seu Espírito, para que o homem interior de cada um se fortifique. 17 Que ele faça Cristo habitar no coração de vocês pela fé. Enraizados e alicerçados no amor, 18 vocês se tornarão capazes de compreender, com todos os cristãos, qual é a largura e o comprimento, a altura e a profundidade, 19 de conhecer o amor de Cristo, que supera qualquer conhecimento, para que vocês fiquem repletos de toda plenitude de Deus.
20 Deus, por meio do seu poder que age em nós, pode realizar muito mais do que pedimos ou imaginamos; 21 a ele seja dada a glória na Igreja e em Jesus Cristo por todas as gerações, para sempre. Amém!

 

João 6:1-21
1 Depois disso, Jesus foi para a outra margem do mar da Galiléia, também chamado Tiberíades. 2 Uma grande multidão seguia Jesus porque as pessoas viram os sinais que ele fazia, curando os doentes. 3 Jesus subiu a montanha e sentou-se aí com seus discípulos. 4 Estava próxima a Páscoa, festa dos judeus. 5 Jesus ergueu os olhos e viu uma grande multidão que vinha ao seu encontro.
Então Jesus disse a Filipe: «Onde vamos comprar pão para eles comerem?» 6 Jesus falou assim para testar Filipe, pois sabia muito bem o que ia fazer. 7 Filipe respondeu: «Nem meio ano de salário bastaria para dar um pedaço para cada um.» 8 Um discípulo de Jesus, André, o irmão de Simão Pedro, disse: 9 «Aqui há um rapaz que tem cinco pães de cevada e dois peixes. Mas, o que é isso para tanta gente?»
10 Então Jesus disse: «Falem para o povo sentar.» Havia muita grama nesse lugar e todos sentaram. Estavam aí cinco mil pessoas, mais ou menos. 11 Jesus pegou os pães, agradeceu a Deus e distribuiu aos que estavam sentados. Fez a mesma coisa com os peixes. E todos comeram o quanto queriam. 12 Quando ficaram satisfeitos, Jesus disse aos discípulos: «Recolham os pedaços que sobraram, para não se desperdiçar nada.» 13 Eles recolheram os pedaços e encheram doze cestos com as sobras dos cinco pães que haviam comido.
14 As pessoas viram o sinal que Jesus tinha realizado e disseram: «Este é mesmo o Profeta que devia vir ao mundo.» 15 Mas Jesus percebeu que iam pegá-lo para fazê-lo rei. Então ele se retirou sozinho, de novo, para a montanha.
16 Ao cair da tarde, os discípulos de Jesus desceram ao mar. 17 Entraram na barca e foram em direção a Cafarnaum, do outro lado do mar. Já era noite, e Jesus ainda não tinha ido ao encontro deles. 18 Soprava vento forte e o mar estava agitado. 19 Os discípulos tinham remado mais ou menos cinco ou seis quilômetros, quando viram Jesus andando sobre as águas e aproximando-se da barca. Então ficaram com medo, 20 mas Jesus disse: «Sou eu. Não tenham medo.» 21 Eles quiseram recolher Jesus na barca, mas nesse instante a barca chegou à margem para onde estavam indo.



barra16

Ano C:
Oseias 1:2-10; Salmo 85; Colossenses 2:6-15 [16-19]; Lucas 11:1-13 OU Gênesis 18:20-32; Salmo 138; Colossenses 2:6-15 [16-19]; Lucas 11:1-13

Oseias 1:2-10
2 Começo das palavras de Javé por intermédio de Oséias. Javé disse a Oséias: «Vá! Tome uma prostituta e filhos da prostituição, porque o país se prostituiu, afastando-se de Javé». 3 Então Oséias foi e tomou Gomer, filha de Deblaim. Ela ficou grávida e lhe deu um filho. 4 Javé disse a Oséias: «Dê-lhe o nome de Jezrael, pois logo eu pedirei contas à casa de Jeú pelo sangue de Jezrael, e destruirei o reino de Israel. 5 Nesse dia, quebrarei o arco de Israel no vale de Jezrael». 6 A mulher ficou grávida de novo e deu à luz uma menina. Javé disse a Oséias: «Dê-lhe o nome de ‘Não-Compadecida’, pois não terei mais compaixão da casa de Israel e não a perdoarei. 7 Eu, porém, me compadecerei da casa de Judá e a salvarei, porque sou Javé, o seu Deus. Não lhes darei a salvação, nem pelo arco, nem pela espada ou guerra, nem pelos cavalos ou cavaleiros». 8 Depois de desmamar a ‘Não-Compadecida’, Gomer ficou grávida de novo e deu à luz outro menino. 9 Javé disse a Oséias: «Dê-lhe o nome de ‘Não-Meu-Povo’, porque vocês não são mais o meu povo, e eu não existo para vocês».
Oseias 1:10 (Bíblia online)
10 Todavia o número dos filhos de Israel será como a areia do mar, que não pode medir-se nem contar-se; e acontecerá que no lugar onde se lhes dizia: Vós não sois meu povo, se lhes dirá: Vós sois filhos do Deus vivo.


Colossenses 2:6-15 [16-19]
6 Já que vocês aceitaram Jesus Cristo como Senhor, vivam como cristãos: 7 enraizados nele, vocês se edificam sobre ele e se apoiam na fé que lhes foi ensinada, transbordando em ações de graças. 8 Cuidado para que ninguém escravize vocês através de filosofias enganosas e vãs, de acordo com tradições humanas, que se baseiam nos elementos do mundo, e não em Cristo.9 É em Cristo que habita, em forma corporal, toda a plenitude da divindade. 10 Em Cristo vocês têm tudo de modo pleno. Ele é a cabeça de todo principado e de toda autoridade. 11 Em Cristo vocês foram circuncidados com uma circuncisão não feita por mãos humanas, mas com a circuncisão de Cristo, a qual consiste em despojar-se do corpo carnal. 12 Com ele, vocês foram sepultados no batismo, e nele vocês foram também ressuscitados mediante a fé no poder de Deus, que ressuscitou Cristo dos mortos. 13 Vocês estavam mortos por causa das faltas e da incircuncisão da carne, mas Deus concedeu a vocês a vida juntamente com Cristo: Ele perdoou todas as nossas faltas,
14 anulou o título de dívida que havia contra nós, deixando de lado as exigências legais; fez o título desaparecer, pregando-o na cruz;
15 destituiu os principados e autoridades, oferecendo-os em espetáculo público, após triunfar sobre eles por meio de Cristo.
[16 Ninguém, pois, julgue vocês pelo que comem ou bebem, ou por causa de festas anuais, mensais ou de sábados. 17 Tudo isso é apenas sombra daquilo que devia vir. A realidade é Cristo. 18 Que ninguém, com humildade afetada ou culto aos anjos, impeça vocês de conseguir a vitória; essas pessoas se fecham em suas visões e se incham de orgulho com o seu modo de pensar. 19 Eles não estão unidos à Cabeça, a qual, através de juntas e nervos, dá alimento e coesão ao corpo inteiro, fazendo-o crescer como Deus quer].


Lucas 11:1-13
1 Um dia, Jesus estava rezando em certo lugar. Quando terminou, um dos discípulos pediu: «Senhor, ensina-nos a rezar, como também João ensinou os discípulos dele.» 2 Jesus respondeu: «Quando vocês rezarem, digam: Pai, santificado seja o teu nome. Venha o teu Reino. 3 Dá-nos a cada dia o pão de amanhã, 4 e perdoa-nos os nossos pecados, pois nós também perdoamos a todos aqueles que nos devem; e não nos deixes cair em tentação.»
5 Jesus acrescentou: «Se alguém de vocês tivesse um amigo, e fosse procurá-lo à meia-noite, dizendo: ‘Amigo, me empreste três pães, 6 porque um amigo meu chegou de viagem, e não tenho nada para oferecer a ele’. 7 Será que lá de dentro o outro responderia: ‘Não me amole! Já tranquei a porta, meus filhos e eu já nos deitamos; não posso me levantar para lhe dar os pães?’ 8 Eu declaro a vocês: mesmo que o outro não se levante para dar os pães porque é um amigo seu, vai levantar-se ao menos por causa da amolação, e dar tudo aquilo que o amigo necessita. 9 Portanto, eu lhes digo: peçam, e lhes será dado! Procurem, e encontrarão! Batam, e abrirão a porta para vocês! 10 Pois, todo aquele de que pede, recebe; quem procura, acha; e a quem bate, a porta será aberta. 11 Será que alguém de vocês que é pai, se o filho lhe pede um peixe, em lugar do peixe lhe dá uma cobra? 12 Ou ainda: se pede um ovo, será que vai lhe dar um escorpião? 13 Se vocês, que são maus, sabem dar coisas boas aos filhos, quanto mais o Pai do céu! Ele dará o Espírito Santo àqueles que o pedirem.»


OU


Gênesis 18:20-32
20 Então Javé disse: «O clamor contra Sodoma e Gomorra é muito grande e o pecado deles é muito grave. 21 Vou descer para ver se, de fato, as ações deles correspondem ou não ao clamor que subiu até mim contra eles. Então, ficarei sabendo».
22 Os homens partiram daí e foram para Sodoma, enquanto Javé permanecia com Abraão. 23 Abraão aproximou-se e perguntou: «Destruirás o justo com o injusto? 24 Talvez haja cinqüenta justos na cidade! Destruirás e não perdoarás a cidade pelos cinqüenta justos que estão no meio dela? 25 Longe de ti fazeres tal coisa: matar o justo com o injusto, de modo que o justo seja confundido com o injusto! Longe de ti! Será que o juiz de toda a terra não fará justiça?» 26 Javé respondeu: «Se eu encontrar cinqüenta justos na cidade de Sodoma, perdoarei a cidade toda por causa deles».
27 Abraão continuou: «Eu me atrevo a falar ao meu Senhor, embora eu seja pó e cinza. 28 Mas talvez faltem cinco para os cinqüenta justos: por causa de cinco, destruirás a cidade inteira?» Javé respondeu: «Não a destruirei, se eu nela encontrar quarenta e cinco justos». 29 Abraão insistiu: «Suponhamos que só existam quarenta!» Javé respondeu: «Por causa dos quarenta, eu não o farei». 30 Abraão continuou: «Que meu Senhor não fique irritado se eu continuo falando. E se houver trinta?» Javé respondeu: «Se houver trinta, eu não o farei». 31 Abraão insistiu: «Estou me atrevendo a falar ao meu Senhor. Talvez haja vinte!» Javé respondeu: «Por causa dos vinte, eu não a destruirei». 32 Abraão continuou: «Que o meu Senhor não se irrite se eu pergunto pela última vez: E se houver dez?» Javé respondeu: «Por causa dos dez, eu não a destruirei».


Salmos Litúrgicos – Livro V – 28º Dia: Oração Vespertina
Salmo 138 Confitebor tibi
EU TE louvarei, SENHOR, de todo o meu coração; * na tua presença, ó Deus, cantarei louvores.
2 Adorarei voltado para o teu santo templo e louvarei o teu Nome pela tua bondade e pela tua verdade; * pois magnificaste a tua palavra sobre toda manifestação de teu Nome.
3 No dia em que clamei, tu me respondeste; *com coragem fortaleceste a minha alma.
4 Todos os reis da terra te louvarão, ó SENHOR, *porque eles ouviram as palavras de tua boca.
5 E celebrarão, cantando, os caminhos do SENHOR, *pois grande é a glória do SENHOR.
6 Porque ainda que o SENHOR seja excelso, lança, contudo, os olhos para as pessoas humildes; * e de longe conhece as pessoas orgulhosas.
7 Embora eu ande no meio da tribulação, tu me reanimas; *estendes tua mão contra a ira de quem me quer mal, e teu poder me salva.
8 O SENHOR aperfeiçoará o que me tem designado; tua misericórdia, ó SENHOR, subsiste para sempre; *não desampares as obras de tuas mãos.

 

Colossenses 2:6-15 [16-19]
6 Já que vocês aceitaram Jesus Cristo como Senhor, vivam como cristãos: 7 enraizados nele, vocês se edificam sobre ele e se apóiam na fé que lhes foi ensinada, transbordando em ações de graças. 8 Cuidado para que ninguém escravize vocês através de filosofias enganosas e vãs, de acordo com tradições humanas, que se baseiam nos elementos do mundo, e não em Cristo.9 É em Cristo que habita, em forma corporal, toda a plenitude da divindade. 10 Em Cristo vocês têm tudo de modo pleno. Ele é a cabeça de todo principado e de toda autoridade. 11 Em Cristo vocês foram circuncidados com uma circuncisão não feita por mãos humanas, mas com a circuncisão de Cristo, a qual consiste em despojar-se do corpo carnal. 12 Com ele, vocês foram sepultados no batismo, e nele vocês foram também ressuscitados mediante a fé no poder de Deus, que ressuscitou Cristo dos mortos. 13 Vocês estavam mortos por causa das faltas e da incircuncisão da carne, mas Deus concedeu a vocês a vida juntamente com Cristo: Ele perdoou todas as nossas faltas,
14 anulou o título de dívida que havia contra nós, deixando de lado as exigências legais; fez o título desaparecer, pregando-o na cruz;
15 destituiu os principados e autoridades, oferecendo-os em espetáculo público, após triunfar sobre eles por meio de Cristo.
[16 Ninguém, pois, julgue vocês pelo que comem ou bebem, ou por causa de festas anuais, mensais ou de sábados. 17 Tudo isso é apenas sombra daquilo que devia vir. A realidade é Cristo. 18 Que ninguém, com humildade afetada ou culto aos anjos, impeça vocês de conseguir a vitória; essas pessoas se fecham em suas visões e se incham de orgulho com o seu modo de pensar. 19 Eles não estão unidos à Cabeça, a qual, através de juntas e nervos, dá alimento e coesão ao corpo inteiro, fazendo-o crescer como Deus quer].

 

Lucas 11:1-13
1 Um dia, Jesus estava rezando em certo lugar. Quando terminou, um dos discípulos pediu: «Senhor, ensina-nos a rezar, como também João ensinou os discípulos dele.» 2 Jesus respondeu: «Quando vocês rezarem, digam: Pai, santificado seja o teu nome. Venha o teu Reino. 3 Dá-nos a cada dia o pão de amanhã, 4 e perdoa-nos os nossos pecados, pois nós também perdoamos a todos aqueles que nos devem; e não nos deixes cair em tentação.»
5 Jesus acrescentou: «Se alguém de vocês tivesse um amigo, e fosse procurá-lo à meia-noite, dizendo: ‘Amigo, me empreste três pães, 6 porque um amigo meu chegou de viagem, e não tenho nada para oferecer a ele’. 7 Será que lá de dentro o outro responderia: ‘Não me amole! Já tranquei a porta, meus filhos e eu já nos deitamos; não posso me levantar para lhe dar os pães?’ 8 Eu declaro a vocês: mesmo que o outro não se levante para dar os pães porque é um amigo seu, vai levantar-se ao menos por causa da amolação, e dar tudo aquilo que o amigo necessita. 9 Portanto, eu lhes digo: peçam, e lhes será dado! Procurem, e encontrarão! Batam, e abrirão a porta para vocês! 10 Pois, todo aquele de que pede, recebe; quem procura, acha; e a quem bate, a porta será aberta. 11 Será que alguém de vocês que é pai, se o filho lhe pede um peixe, em lugar do peixe lhe dá uma cobra? 12 Ou ainda: se pede um ovo, será que vai lhe dar um escorpião? 13 Se vocês, que são maus, sabem dar coisas boas aos filhos, quanto mais o Pai do céu! Ele dará o Espírito Santo àqueles que o pedirem.»

—————