DFP57 Domingo – Próprio 16

DFP57 – Próprio 16 (TC21)

Ano A: Êxodo 1:8-2:10; Salmo 124; Romanos 12:1-8; Mateus 16:13-20 OU Isaías 51:1-6; Salmo 138; Romanos 12:1-8; Mateus 16:13-20
Ano B: I Reis 8:[1,6,10-11]22-30,41-43; Salmo 84; Efésios 6:10-20; João 6:56-69 OU Josué 24:1-2a,14-18; Salmo 34:15-22; Efésios 6:10-20; João 6:56-69
Ano C: Jeremias 1:4-10; Salmo 71:1-6; Hebreus 12:18-29; Lucas 13:10-17 OU Isaías 58:9b-14; Salmo 103:1-8; Hebreus 12:18-29; Lucas 13:10-17


Próprio 16, domingo de 21 a 27 de agosto – Tempo Comum 21
Deus de renovação, concede que a tua Igreja, unida pelo Espírito Santo, confesse corajosamente o nome do teu filho, que veio desafiar as leis impiedosas, e estabelecer a lei maior do amor. Fortalece-nos naquele que tem palavras de vida eterna, Jesus Cristo, o Filho de Deus, nosso Salvador, que vive e reina contigo e com o Espírito Santo, um só Deus, agora e sempre. Amém.
* Prefácio do Dia do Senhor (Para ser usado somente aos domingos).
De Deus Pai
Pois Tu és a fonte da luz e da vida; fizeste-nos à tua imagem e nos chamaste a uma vida nova em Jesus Cristo, nosso Senhor.
De Deus Filho
Mediante Jesus Cristo, nosso Senhor, que, no primeiro dia da semana, venceu a morte e o túmulo, e, por sua gloriosa ressurreição, nos abriu as portas da vida eterna.
De Deus Espírito Santo
Porque nos fizeste nascer da água e do Espírito Santo, tornando-nos teu povo, em Jesus Cristo, nosso Senhor, para manifestar a tua glória ao mundo.

barra16
Ano A: Êxodo 1:8-2:10; Salmo 124; Romanos 12:1-8; Mateus 16:13-20 OU Isaías 51:1-6; Salmo 138; Romanos 12:1-8; Mateus 16:13-20

Êxodo 1:8-2:10
8 Subiu ao trono do Egito um novo rei que não tinha conhecido José. 9 Ele disse ao seu povo: «Vejam! O povo dos filhos de Israel está se tornando mais numeroso e poderoso do que nós. 10 Vamos vencê-los com astúcia, para impedir que eles se multipliquem; do contrário, em caso de guerra, eles se aliarão com o inimigo, nos atacarão e depois sairão do país». 11 Então impuseram sobre Israel capatazes, que os exploravam em trabalhos forçados. E assim construíram para o Faraó as cidades-armazéns de Pitom e Ramsés. 12 Contudo, quanto mais oprimiam o povo, mais ele crescia e se multiplicava. Os filhos de Israel começaram a se tornar um pesadelo para os egípcios. 13 Por isso, os egípcios impuseram sobre eles trabalhos duros, 14 e lhes amargaram a vida com dura escravidão: preparação de argila, fabricação de tijolos, vários trabalhos nos campos; enfim, com dureza os obrigaram a todos esses trabalhos.
15 O rei do Egito ordenou às parteiras dos hebreus, que se chamavam Sefra e Fua: 16 «Quando vocês ajudarem as hebréias a dar à luz, observem se é menino ou menina: se for menino, matem; se for menina, deixem viver». 17 As parteiras, porém, temeram a Deus e não fizeram o que o rei do Egito lhes havia ordenado; e deixaram os meninos viver. 18 Então o rei do Egito chamou as parteiras e lhes disse: «Por que vocês fizeram isso, deixando os meninos viver?» 19 Elas responderam ao Faraó: «As mulheres hebréias não são como as egípcias: são cheias de vida, e dão à luz antes que as parteiras cheguem». 20 Por isso, Deus favoreceu as parteiras. E o povo se multiplicou e tornou-se muito poderoso. 21 E como as parteiras temeram a Deus, ele deu a elas uma família numerosa. 22 Então o Faraó ordenou a todo o seu povo: «Joguem no rio Nilo todo menino que nascer; e se for menina, deixem viver».
Êxodo 2:1-10
1 Um homem da tribo de Levi casou-se com uma mulher da mesma tribo: 2 ela concebeu e deu à luz um filho. Vendo que era belo, o escondeu por três meses. 3 Quando não pôde mais escondê-lo, pegou um cesto de papiro, vedou com betume e piche, colocou dentro a criança, e a depositou entre os juncos na margem do rio. 4 A irmã da criança observava de longe para ver o que aconteceria. 5 Nesse momento, a filha do Faraó desceu para tomar banho no rio, enquanto suas servas andavam pela margem. Ela viu o cesto entre os juncos e mandou a criada apanhá-lo. 6 Ao abrir o cesto, viu a criança: era um menino que chorava. Ela se compadeceu e disse: «É uma criança dos hebreus!» 7 Então a irmã do menino disse à filha do Faraó: «A senhora quer que eu vá chamar uma hebréia para criar este menino?» 8 A filha do Faraó respondeu: «Pode ir». A menina foi e chamou a mãe da criança. 9 Então a filha do Faraó disse para a mulher: «Leve este menino, e o amamente para mim, que eu lhe pagarei». A mulher recebeu o menino e o criou. 10 Quando o menino cresceu, a mulher o entregou à filha do Faraó, que o adotou e lhe deu o nome de Moisés, dizendo: «Eu o tirei das águas».


Salmos Litúrgicos Livro V Vigésimo Sétimo Dia: Oração Matutina
Salmo 124 Nisi quia Dominus
SE NÃO fora o SENHOR, que esteve ao nosso lado, * ora diga Israel:
2 Se não fora o SENHOR, que esteve ao nosso lado, * quando as pessoas se levantaram contra nós.
3 Então nos teriam engolido vivos, * quando sua ira se acendeu contra nós.
4 Teriam as águas transbordado sobre nós, * e teria a torrente passado sobre nossa alma.
5 Então as águas impetuosas, * sobre nossa alma teriam passado.
6 Bendito seja o SENHOR, * que não nos entregou como presa, quem era contra nós.
7 Nossa alma, qual pássaro, escapou do laço dos caçadores; * partiu-se o laço e nós escapamos.
8 O nosso auxílio está em o Nome do SENHOR, * que fez o céu e a terra.


Romanos 12:1-8
1 Irmãos, pela misericórdia de Deus, peço que vocês ofereçam os próprios corpos como sacrifício vivo, santo e agradável a Deus. Esse é o culto autêntico de vocês. 2 Não se amoldem às estruturas deste mundo, mas transformem-se pela renovação da mente, a fim de distinguir qual é a vontade de Deus: o que é bom, o que é agradável a ele, o que é perfeito.
3 Em nome da graça que me foi concedida, eu digo a cada um de vocês: não tenham de si mesmos conceito maior do que convém, mas um conceito justo, de acordo com a fé, na medida que Deus concedeu a cada um. 4 Num só corpo há muitos membros, e esses membros não têm todos a mesma função. 5 O mesmo acontece conosco: embora sendo muitos, formamos um só corpo em Cristo, e, cada um por sua vez, é membro dos outros. 6 Mas temos dons diferentes, conforme a graça concedida a cada um de nós. Quem tem o dom da profecia, deve exercê-lo de acordo com a fé; 7 se tem o dom do serviço, que o exerça servindo; se do ensino, que ensine; 8 se é de aconselhar, aconselhe; se é de distribuir donativos, faça-o com simplicidade; se é de presidir à comunidade, faça-o com zelo; se é de exercer misericórdia, faça-o com alegria.


Mateus 16:13-20
13 Jesus chegou à região de Cesaréia de Filipe, e perguntou aos seus discípulos: «Quem dizem os homens que é o Filho do Homem?» 14 Eles responderam: «Alguns dizem que é João Batista; outros, que é Elias; outros ainda, que é Jeremias, ou algum dos profetas.» 15 Então Jesus perguntou-lhes: «E vocês, quem dizem que eu sou?» 16 Simão Pedro respondeu: «Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo.» 17 Jesus disse: «Você é feliz, Simão, filho de Jonas, porque não foi um ser humano que lhe revelou isso, mas o meu Pai que está no céu. 18 Por isso eu lhe digo: você é Pedro, e sobre essa pedra construirei a minha Igreja, e o poder da morte nunca poderá vencê-la. 19 Eu lhe darei as chaves do Reino do Céu, e o que você ligar na terra será ligado no céu, e o que você desligar na terra será desligado no céu.» 20 Jesus, então, ordenou aos discípulos que não dissessem a ninguém que ele era o Messias.


OU


Isaías 51:1-6
1 Escutem-me, vocês que andam à procura da justiça e que buscam a Javé. Olhem bem para a pedreira de onde vocês foram tirados, reparem bem o talho de onde vocês foram cortados: 2 olhem para Abraão, o pai de vocês; reparem em Sara, que os deu à luz. Quando eu o chamei, ele era um só; mas eu o abençoei e multipliquei.3 Javé consola Sião, consola suas ruínas: ele transformará o deserto dela num paraíso, a secura num jardim de Javé. Aí haverá alegria e festa, ações de graças e hinos de louvor.
4 Preste atenção, povo meu; dê-me ouvidos, gente minha: de mim vem a lei, e o meu direito é luz para os povos. 5 A minha justiça está perto, a minha salvação já brotou, o meu braço governará os povos: as ilhas esperam por mim e colocam em meu braço a sua esperança.
6 Levantem os olhos para o céu, dêem uma olhada na terra cá embaixo: o céu se desmancha como fumaça, a terra se desgasta como roupa velha, e seus habitantes morrem como moscas; só a minha salvação é eterna, só a minha justiça não tem fim.


Salmos Litúrgicos – Livro V – 28º Dia: Oração Vespertina
Salmo 138 Confitebor tibi
EU TE louvarei, SENHOR, de todo o meu coração; * na tua presença, ó Deus, cantarei louvores.
2 Adorarei voltado para o teu santo templo e louvarei o teu Nome pela tua bondade e pela tua verdade; * pois magnificaste a tua palavra sobre toda manifestação de teu Nome.
3 No dia em que clamei, tu me respondeste; *com coragem fortaleceste a minha alma.
4 Todos os reis da terra te louvarão, ó SENHOR, *porque eles ouviram as palavras de tua boca.
5 E celebrarão, cantando, os caminhos do SENHOR, *pois grande é a glória do SENHOR.
6 Porque ainda que o SENHOR seja excelso, lança, contudo, os olhos para as pessoas humildes; * e de longe conhece as pessoas orgulhosas.
7 Embora eu ande no meio da tribulação, tu me reanimas; *estendes tua mão contra a ira de quem me quer mal, e teu poder me salva.
8 O SENHOR aperfeiçoará o que me tem designado; tua misericórdia, ó SENHOR, subsiste para sempre; *não desampares as obras de tuas mãos.


Romanos 12:1-8
1 Irmãos, pela misericórdia de Deus, peço que vocês ofereçam os próprios corpos como sacrifício vivo, santo e agradável a Deus. Esse é o culto autêntico de vocês. 2 Não se amoldem às estruturas deste mundo, mas transformem-se pela renovação da mente, a fim de distinguir qual é a vontade de Deus: o que é bom, o que é agradável a ele, o que é perfeito.
3 Em nome da graça que me foi concedida, eu digo a cada um de vocês: não tenham de si mesmos conceito maior do que convém, mas um conceito justo, de acordo com a fé, na medida que Deus concedeu a cada um. 4 Num só corpo há muitos membros, e esses membros não têm todos a mesma função. 5 O mesmo acontece conosco: embora sendo muitos, formamos um só corpo em Cristo, e, cada um por sua vez, é membro dos outros. 6 Mas temos dons diferentes, conforme a graça concedida a cada um de nós. Quem tem o dom da profecia, deve exercê-lo de acordo com a fé; 7 se tem o dom do serviço, que o exerça servindo; se do ensino, que ensine; 8 se é de aconselhar, aconselhe; se é de distribuir donativos, faça-o com simplicidade; se é de presidir à comunidade, faça-o com zelo; se é de exercer misericórdia, faça-o com alegria.


Mateus 16:13-20
13 Jesus chegou à região de Cesaréia de Filipe, e perguntou aos seus discípulos: «Quem dizem os homens que é o Filho do Homem?» 14 Eles responderam: «Alguns dizem que é João Batista; outros, que é Elias; outros ainda, que é Jeremias, ou algum dos profetas.» 15 Então Jesus perguntou-lhes: «E vocês, quem dizem que eu sou?» 16 Simão Pedro respondeu: «Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo.» 17 Jesus disse: «Você é feliz, Simão, filho de Jonas, porque não foi um ser humano que lhe revelou isso, mas o meu Pai que está no céu. 18 Por isso eu lhe digo: você é Pedro, e sobre essa pedra construirei a minha Igreja, e o poder da morte nunca poderá vencê-la. 19 Eu lhe darei as chaves do Reino do Céu, e o que você ligar na terra será ligado no céu, e o que você desligar na terra será desligado no céu.» 20 Jesus, então, ordenou aos discípulos que não dissessem a ninguém que ele era o Messias.


barra16
Ano B: I Reis 8:[1,6,10-11]22-30,41-43; Salmo 84; Efésios 6:10-20; João 6:56-69 OU Josué 24:1-2a,14-18; Salmo 34:15-22; Efésios 6:10-20; João 6:56-69

I Reis 8:[1,6,10-11]22-30,41-43
[1 Salomão reuniu em Jerusalém os anciãos de Israel, todos os chefes das tribos e os chefes das famílias israelitas, para transportar, da Cidade de Davi, que é Sião, a Arca da aliança de Javé.
6 Os sacerdotes introduziram a Arca da aliança de Javé no seu lugar, isto é, no recinto do Templo chamado Santíssimo, sob as asas dos querubins.
10 Quando os sacerdotes saíram do santuário, a Nuvem encheu o Templo de Javé, 11 e os sacerdotes não puderam continuar o seu serviço, por causa da Nuvem: a glória de Javé encheu o Templo].
22 Salomão ficou em pé diante do altar de Javé, na presença de toda a assembléia de Israel. Estendeu as mãos para o céu, 23 e disse: «Javé, Deus de Israel, não existe nenhum deus como tu, seja lá no alto do céu, seja cá embaixo na terra. Tu és fiel à aliança e ao amor para com teus servos que caminham de todo o coração na tua presença. 24 Cumpriste a promessa que havias feito ao teu servo Davi, meu pai, e o que prometeste com a boca, hoje realizaste com a mão. 25 Agora, Javé, Deus de Israel, mantém a promessa que fizeste a teu servo Davi, meu pai: ‘Nunca faltará para você, diante de mim, um descendente no trono de Israel, contanto que seus filhos saibam se comportar, vivendo de acordo comigo, assim como você viveu’. 26 Agora, portanto, ó Deus de Israel, confirma a promessa que fizeste a teu servo Davi, meu pai. 27 Será possível que Deus habite na terra? Se não cabes no céu e no mais alto dos céus, muito menos neste Templo que construí. 28 Atende à oração e à súplica do teu servo, ó Javé meu Deus! Ouve o clamor e a prece que teu servo faz hoje diante de ti. 29 Que teus olhos fiquem abertos dia e noite sobre este Templo, sobre este lugar onde quiseste que teu Nome habitasse. Ouve a prece que teu servo fará neste lugar».
30 «Ouve as súplicas do teu servo e do teu povo Israel, quando rezarem neste lugar. Escuta de tua morada no céu. Escuta e perdoa.
41 Se o estrangeiro, que não pertence ao teu povo Israel, também vier de uma terra distante por causa do teu Nome, 42 pois ouvirão falar do teu grande Nome, de tua mão forte e de teu braço estendido, se ele vier para orar neste Templo, 43 escuta do céu onde moras, e atende a todos os pedidos do estrangeiro. Assim, todos os povos da terra reconhecerão o teu Nome e temerão a ti, como faz o teu povo Israel. Eles saberão que o teu Nome é invocado neste Templo que eu construí.

 

Salmos Litúrgicos Livro III Décimo Sexto Dia: Oração Vespertina
Salmo 84 Quam dilecta!
QUÃO amáveis são teus tabernáculos, * SENHOR das Celestes Hostes!
2 Minha alma anseia e suspira pelos átrios do SENHOR; * meu coração e minha carne exultam de alegria em Deus, o Deus vivo.
3 Até o passarinho encontra casa e a andorinha ninho para si onde põe sua cria, * junto a teus altares, ó SENHOR das Celestes Hostes, Rei meu e Deus meu!
4 Feliz é quem assiste na tua casa! * Te louvará incessantemente.
5 Ditosa é a pessoa cuja força está em ti, * em cujo coração estão os teus caminhos!
6 Quem, passando pelo vale das lágrimas, faz dele um lugar de fonte; * sim, de bênção o cobre a primeira chuva.
7 Quem prossegue de força em força, * até que cada um se apresente a Deus em Sião.
8 SENHOR, DEUS das Celestes Hostes, escuta a minha oração; * inclina a mim os teus ouvidos, ó nosso Deus!
9 Olha, ó DEUS, escudo nosso, * e contempla a face de quem ungiste.
10 Porque um dia em teus átrios vale mais que mil em outro lugar; * prefiro a entrada da casa de meu Deus, a habitar em tendas de perversidade.
11 Eis que o SENHOR DEUS é luz e proteção; * graça e glória o SENHOR outorga; não negará bem algum a quem anda retamente.
12 Ó SENHOR das Celestes Hostes, * abençoada é a pessoa que em ti confia!

 

Efésios 6:10-20
10 Ademais, fortaleçam-se no Senhor e na força do seu poder. 11 Vistam a armadura de Deus para poderem resistir às manobras do diabo. 12 A nossa luta, de fato, não é contra homens de carne e osso, mas contra os principados e as autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra os espíritos do mal, que habitam as regiões celestes.
13 Por isso, vistam a armadura de Deus para que, no dia mau, vocês possam resistir e permanecer firmes, superando todas as provas. 14 Estejam, portanto, bem firmes: cingidos com o cinturão da verdade, vestidos com a couraça da justiça, 15 os pés calçados com o zelo para propagar o evangelho da paz; 16 tenham sempre na mão o escudo da fé, e assim poderão apagar as flechas inflamadas do Maligno. 17 Coloquem o capacete da salvação e peguem a espada do Espírito, que é a Palavra de Deus.
18 Rezem incessantemente no Espírito, com orações e súplicas de todo tipo, e façam vigílias, intercedendo, sem cansaço, por todos os cristãos. 19 Rezem também por mim: que a Palavra seja colocada na minha boca, para anunciar ousadamente o mistério do Evangelho, 20 do qual sou embaixador aprisionado. Que eu possa anunciá-lo com ousadia, como é meu dever.


João 6:56-69
56 Quem come a minha carne e bebe o meu sangue vive em mim e eu vivo nele. 57 E como o Pai, que vive, me enviou e eu vivo pelo Pai, assim, aquele que me receber como alimento viverá por mim. 58 Este é o pão que desceu do céu. Não é como o pão que os pais de vocês comeram e depois morreram. Quem come deste pão viverá para sempre.» 59 Jesus disse essas coisas quando ensinava na sinagoga de Cafarnaum.
60 Depois que ouviram essas coisas, muitos discípulos de Jesus disseram: «Esse modo de falar é duro demais. Quem pode continuar ouvindo isso?» 61 Jesus sabia que seus discípulos estavam criticando o que ele tinha dito. Então lhes perguntou: «Isso escandaliza vocês? 62 Imaginem então se vocês virem o Filho do Homem subir para o lugar onde estava antes! 63 O Espírito é que dá a vida, a carne não serve para nada. As palavras que eu disse a vocês são espírito e vida. 64 Mas entre vocês há alguns que não acreditam.» Jesus sabia desde o começo quais eram aqueles que não acreditavam e quem seria o traidor. 65 E acrescentou: «É por isso que eu disse: ‘Ninguém pode vir a mim, se isso não lhe é concedido pelo Pai.’ « 66 A partir desse momento, muitos discípulos voltaram atrás, e não andavam mais com Jesus. 67 Então Jesus disse aos Doze: «Vocês também querem ir embora?» 68 Simão Pedro respondeu: «A quem iremos, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna. 69 Agora nós acreditamos e sabemos que tu és o Santo de Deus.»


OU


Josué 24:1-2a,14-18
1 Josué reuniu as tribos de Israel em Siquém. Convocou todos os anciãos de Israel, os chefes, juízes e oficiais. E todos se apresentaram diante de Deus. 2a Então Josué falou a todo o povo:
14 Agora, portanto, temam a Javé, servindo-o com integridade e fidelidade. Tirem do meio de vocês os deuses, a quem seus antepassados serviram no outro lado do rio Eufrates e no Egito. Sirvam a Javé. 15 Contudo, se vocês acham que não é bom servir a Javé, escolham hoje a quem vocês querem servir: aos deuses que seus antepassados serviram no outro lado do rio Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, na terra dos quais agora vocês habitam. Eu e minha família serviremos a Javé». 16 Então o povo respondeu: «Longe de nós abandonar Javé para servir a outros deuses! 17 Foi Javé nosso Deus quem nos tirou, a nós e a nossos antepassados, da terra do Egito, da casa da escravidão. Foi ele quem fez esses grandes sinais diante de nossos olhos, e nos protegeu por todo o caminho que percorremos e entre todos os povos no meio dos quais atravessamos. 18 Foi Javé quem expulsou de diante de nós todos os povos e os amorreus que habitavam a terra. Portanto, nós também serviremos a Javé, pois ele é o nosso Deus».

 

Salmos Litúrgicos Livro 1 Sexto Dia: Oração Vespertina
Salmo 34:15-22 Benedicam Dominum
15 Os olhos do SENHOR estão fixos em quem pratica a justiça, * e ao seu clamor estão atentos seus ouvidos.
16 A face do SENHOR volta-se contra os que praticam o mal; * para da terra riscar a sua lembrança.
17 Clama quem pratica a justiça e o SENHOR ouve; * e lhe dá libertação de todas as suas tribulações.
18 Perto está o SENHOR das pessoas desanimadas; * salva as de espírito abatido.
19 Muitos são os males que a pessoa justa sofre; * mas de todos eles o SENHOR a livra.
20 Ele guarda todos os seus ossos; * nem sequer um deles se quebra.
21 A malícia matará quem pratica a maldade, * e as pessoas que odeiam o justoquem pratica a justiça serão condenados.
22 O SENHOR resgata a alma de quem lhe serve; * e ninguém que nele confie receberá a condenação.

 

Efésios 6:10-20
10 Ademais, fortaleçam-se no Senhor e na força do seu poder. 11 Vistam a armadura de Deus para poderem resistir às manobras do diabo. 12 A nossa luta, de fato, não é contra homens de carne e osso, mas contra os principados e as autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra os espíritos do mal, que habitam as regiões celestes.
13 Por isso, vistam a armadura de Deus para que, no dia mau, vocês possam resistir e permanecer firmes, superando todas as provas. 14 Estejam, portanto, bem firmes: cingidos com o cinturão da verdade, vestidos com a couraça da justiça, 15 os pés calçados com o zelo para propagar o evangelho da paz; 16 tenham sempre na mão o escudo da fé, e assim poderão apagar as flechas inflamadas do Maligno. 17 Coloquem o capacete da salvação e peguem a espada do Espírito, que é a Palavra de Deus.
18 Rezem incessantemente no Espírito, com orações e súplicas de todo tipo, e façam vigílias, intercedendo, sem cansaço, por todos os cristãos. 19 Rezem também por mim: que a Palavra seja colocada na minha boca, para anunciar ousadamente o mistério do Evangelho, 20 do qual sou embaixador aprisionado. Que eu possa anunciá-lo com ousadia, como é meu dever.

 

João 6:56-69
56 Quem come a minha carne e bebe o meu sangue vive em mim e eu vivo nele. 57 E como o Pai, que vive, me enviou e eu vivo pelo Pai, assim, aquele que me receber como alimento viverá por mim. 58 Este é o pão que desceu do céu. Não é como o pão que os pais de vocês comeram e depois morreram. Quem come deste pão viverá para sempre.» 59 Jesus disse essas coisas quando ensinava na sinagoga de Cafarnaum.
60 Depois que ouviram essas coisas, muitos discípulos de Jesus disseram: «Esse modo de falar é duro demais. Quem pode continuar ouvindo isso?» 61 Jesus sabia que seus discípulos estavam criticando o que ele tinha dito. Então lhes perguntou: «Isso escandaliza vocês? 62 Imaginem então se vocês virem o Filho do Homem subir para o lugar onde estava antes! 63 O Espírito é que dá a vida, a carne não serve para nada. As palavras que eu disse a vocês são espírito e vida. 64 Mas entre vocês há alguns que não acreditam.» Jesus sabia desde o começo quais eram aqueles que não acreditavam e quem seria o traidor. 65 E acrescentou: «É por isso que eu disse: ‘Ninguém pode vir a mim, se isso não lhe é concedido pelo Pai.’ « 66 A partir desse momento, muitos discípulos voltaram atrás, e não andavam mais com Jesus. 67 Então Jesus disse aos Doze: «Vocês também querem ir embora?» 68 Simão Pedro respondeu: «A quem iremos, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna. 69 Agora nós acreditamos e sabemos que tu és o Santo de Deus.»

barra16


Ano C: Jeremias 1:4-10; Salmo 71:1-6; Hebreus 12:18-29; Lucas 13:10-17 OU Isaías 58:9b-14; Salmo 103:1-8; Hebreus 12:18-29; Lucas 13:10-17

Jeremias 1:4-10
4 Recebi a palavra de Javé que me dizia: 5 «Antes de formar você no ventre de sua mãe, eu o conheci; antes que você fosse dado à luz, eu o consagrei, para fazer de você profeta das nações». 6 Mas eu respondi: «Ah, Senhor Javé, eu não sei falar, porque sou jovem». 7 Javé, porém, me disse: «Não diga ‘sou jovem’, porque você irá para aqueles a quem eu o mandar e anunciará aquilo que eu lhe ordenar. 8 Não tenha medo deles, pois eu estou com você para protegê-lo – oráculo de Javé».
9 Então Javé estendeu a mão, tocou em minha boca e me disse: «Veja: estou colocando minhas palavras em sua boca. 10 Hoje eu estabeleço você sobre nações e reinos, para arrancar e arrasar, para demolir e destruir, para construir e plantar».


Salmos Litúrgicos – Livro II – 14º Dia: Oração Matutina
Salmo 71:1-6 In te, Domine, speravi
EM ti, SENHOR, me abrigarei; * que jamais alguém me humilhe.
2 Livra-me por tua justiça e resgata-me; * inclina teus ouvidos para mim e salva-me.
3 Sê para mim uma rocha de refúgio, a que sempre me acolha; * tens ordenado que eu seja salvo; tu és, pois, minha rocha e minha fortaleza.
4 Deus meu, livra-me do poder do ímpio; * das garras de gente injusta e violenta.
5 Pois tu és minha esperança, SENHOR, meu Senhor; * tu és minha confiança desde minha mocidade.
6 Tu és o meu sustentáculo desde que nasci; * o meu louvor será para ti constantemente.

Hebreus 12:18-29
18 Vocês não se aproximaram de uma realidade palpável. Ali havia fogo ardente, escuridão, trevas, tempestade, 19 som de trombeta e ruído de palavras. E as pessoas que ouviram isso, suplicaram que Deus não dissesse mais nada, 20 pois eles não suportavam o que fora ordenado: «Até um animal será apedrejado se tocar a montanha.» 21 Eles ficaram tão espantados com esse espetáculo, que Moisés disse: «Estou apavorado e com medo.»
22 Entretanto, vocês se aproximaram do monte Sião e da Jerusalém celeste, a cidade do Deus vivo. Vocês se aproximaram de milhares de anjos reunidos em festa, 23 e da assembléia dos primogênitos, que têm o nome inscrito no céu. Vocês se aproximaram de Deus, que é juiz de todos. Vocês se aproximaram dos espíritos justos que chegaram à meta final, 24 e de Jesus, o mediador de uma nova aliança. Vocês se aproximaram do sangue da aspersão, que fala muito mais alto que o sangue de Abel.
25 Cuidado! Não deixem de escutar aquele que fala a vocês. As pessoas que recusaram escutar aquele que as advertia na terra, não escaparam do castigo. E menos ainda escaparemos nós do castigo, se nos afastarmos de quem nos fala do alto do céu. 26 Aquele, cuja voz um dia abalou a terra, agora diz: «Mais uma vez farei estremecer, não somente a terra, mas também o céu». 27 A expressão «mais uma vez» anuncia o desaparecimento de tudo aquilo que participa da instabilidade do mundo criado, para que permaneça só o que é inabalável. 28 Já que recebemos um reino inabalável, conservemos bem essa graça. Por meio dela, sirvamos a Deus de tal modo que o agrademos, isto é, com respeito e temor. 29 Pois o nosso Deus é um fogo devorador.


Lucas 13:10-17
10 Jesus estava ensinando numa sinagoga em dia de sábado. 11 Havia aí uma mulher que, fazia dezoito anos, estava com um espírito que a tornava doente. Era encurvada e incapaz de se endireitar. 12 Vendo-a, Jesus dirigiu-se a ela, e disse: «Mulher, você está livre da sua doença.» 13 Jesus colocou as mãos sobre ela, e imediatamente a mulher se endireitou, e começou a louvar a Deus. 14 O chefe da sinagoga ficou furioso, porque Jesus tinha feito uma cura em dia de sábado. E tomando a palavra, começou a dizer à multidão: «Há seis dias para trabalhar. Venham, então, nesses dias e sejam curados, e não em dia de sábado.» 15 O Senhor lhe respondeu: «Hipócritas! Cada um de vocês não solta do curral o boi ou o jumento para dar-lhe de beber, mesmo que seja dia de sábado? 16 Aqui está uma filha de Abraão que Satanás amarrou durante dezoito anos. Será que não deveria ser libertada dessa prisão, em dia de sábado?» 17 Essa resposta deixou confusos todos os inimigos de Jesus. E toda a multidão se alegrava com as maravilhas que Jesus fazia.


OU


Isaías 58:9b-14
9b você chamará por socorro, e Javé responderá: «Estou aqui!» Isso, se você tirar do seu meio o jugo, o gesto que ameaça e a linguagem injuriosa; 10 se você der o seu pão ao faminto e matar a fome do oprimido. Então a sua luz brilhará nas trevas e a escuridão será para você como a claridade do meio-dia; 11 Javé será sempre o seu guia e lhe dará fartura até mesmo em terra deserta; ele fortificará seus ossos e você será como jardim irrigado, qual mina borbulhante, onde nunca falta água; 12 as suas ruínas antigas serão reconstruídas, você levantará paredes em cima dos alicerces de tempos passados. Vão chamá-lo reparador de brechas e restaurador de ruínas, onde se possa morar.
13 Se você evitar que se desrespeite o dia de sábado e não tratar de negócios no meu dia santo; se você disser que o sábado é um dia agradável e honrar o dia consagrado a Javé; se você o respeitar, deixando de viajar, de buscar seu próprio interesse e tratar de negócios; 14 então Javé será a sua delícia, e eu vou fazer que você venha a ser levado triunfante sobre os lugares mais altos da terra, eu sustentarei você com a herança de seu pai Jacó. Assim falou a boca de Javé.

 

Salmos Litúrgicos Livro IV Vigésimo Dia: Oração Matutina
Salmo 103:1-8 Benedic, anima mea
BENDIZE, ó minha alma, ao SENHOR, * bendiga todo o meu ser o Nome santo.
2 Bendize ao SENHOR, ó minha alma, * e não esqueças seus benefícios.
É ele quem perdoa o teu pecado, * quem sara tuas enfermidades.
4 Quem da destruição tua vida redime; * quem de misericórdia e de bondade te coroa.
5 Quem supre de bens a tua idade, * fazendo com que tua mocidade, qual águia, se renove.
6 O SENHOR faz atos de justiça e retidão * a todas as pessoas oprimidas.
7 Manifestou os seus caminhos a Moisés, * os seus feitos aos filhos e filhas de Israel.
8 Compassivo e piedoso é o SENHOR; * não se apressa na ira e é todo misericórdia.


Hebreus 12:18-29
18 Vocês não se aproximaram de uma realidade palpável. Ali havia fogo ardente, escuridão, trevas, tempestade, 19 som de trombeta e ruído de palavras. E as pessoas que ouviram isso, suplicaram que Deus não dissesse mais nada, 20 pois eles não suportavam o que fora ordenado: «Até um animal será apedrejado se tocar a montanha.» 21 Eles ficaram tão espantados com esse espetáculo, que Moisés disse: «Estou apavorado e com medo.»
22 Entretanto, vocês se aproximaram do monte Sião e da Jerusalém celeste, a cidade do Deus vivo. Vocês se aproximaram de milhares de anjos reunidos em festa, 23 e da assembléia dos primogênitos, que têm o nome inscrito no céu. Vocês se aproximaram de Deus, que é juiz de todos. Vocês se aproximaram dos espíritos justos que chegaram à meta final, 24 e de Jesus, o mediador de uma nova aliança. Vocês se aproximaram do sangue da aspersão, que fala muito mais alto que o sangue de Abel.
25 Cuidado! Não deixem de escutar aquele que fala a vocês. As pessoas que recusaram escutar aquele que as advertia na terra, não escaparam do castigo. E menos ainda escaparemos nós do castigo, se nos afastarmos de quem nos fala do alto do céu. 26 Aquele, cuja voz um dia abalou a terra, agora diz: «Mais uma vez farei estremecer, não somente a terra, mas também o céu». 27 A expressão «mais uma vez» anuncia o desaparecimento de tudo aquilo que participa da instabilidade do mundo criado, para que permaneça só o que é inabalável. 28 Já que recebemos um reino inabalável, conservemos bem essa graça. Por meio dela, sirvamos a Deus de tal modo que o agrademos, isto é, com respeito e temor. 29 Pois o nosso Deus é um fogo devorador.

 

Lucas 13:10-17
10 Jesus estava ensinando numa sinagoga em dia de sábado. 11 Havia aí uma mulher que, fazia dezoito anos, estava com um espírito que a tornava doente. Era encurvada e incapaz de se endireitar. 12 Vendo-a, Jesus dirigiu-se a ela, e disse: «Mulher, você está livre da sua doença.» 13 Jesus colocou as mãos sobre ela, e imediatamente a mulher se endireitou, e começou a louvar a Deus. 14 O chefe da sinagoga ficou furioso, porque Jesus tinha feito uma cura em dia de sábado. E tomando a palavra, começou a dizer à multidão: «Há seis dias para trabalhar. Venham, então, nesses dias e sejam curados, e não em dia de sábado.» 15 O Senhor lhe respondeu: «Hipócritas! Cada um de vocês não solta do curral o boi ou o jumento para dar-lhe de beber, mesmo que seja dia de sábado? 16 Aqui está uma filha de Abraão que Satanás amarrou durante dezoito anos. Será que não deveria ser libertada dessa prisão, em dia de sábado?» 17 Essa resposta deixou confusos todos os inimigos de Jesus. E toda a multidão se alegrava com as maravilhas que Jesus fazia.