DSabc17 29 de junho – Lit Eucarística para o Dia de SÃO PEDRO E SÃO PAULO APÓSTOLOS

    

DSabc17 29 de junho – Lit Eucarística para o Dia de SÃO PEDRO E SÃO PAULO, APÓSTOLOS. Cor:vermelho

Salmo 87; Ezequiel 34:11-16; II Timóteo 4:1-8; João 21:15-19

Coleta – São Pedro e São Paulo, apóstolos, 29 de junho:
Onipotente Deus, cujos benditos Apóstolos Pedro e Paulo te glorificaram pelo seu martírio; concede que a tua Igreja, instruída pelo seu testemunho e ensinamento, e unida pelo teu Espírito, permaneça sempre firme num só fundamento, o qual é Jesus Cristo, nosso Senhor, que vive e reina contigo e com o Espírito Santo, um só Deus, agora e sempre. Amém.
* Prefácio dos Apóstolos
Mediante o Grande Pastor do teu rebanho, Jesus Cristo, nosso Senhor, o qual, após a sua ressurreição, enviou os seus apóstolos para pregar o Evangelho a todas as nações, e prometeu estar com eles até o fim dos tempos.

Sobre SÃO PEDRO E SÃO PAULO, APÓSTOLOS

Ezequiel 34:11-16
11 Porque assim diz o Senhor Deus: Eis que eu, eu mesmo, procurarei as minhas ovelhas, e as buscarei.
12 Como o pastor busca o seu rebanho, no dia em que está no meio das suas ovelhas dispersas, assim buscarei as minhas ovelhas. Livrá-las-ei de todos os lugares por onde foram espalhadas, no dia de nuvens e de escuridão.
13 Sim, tirá-las-ei para fora dos povos, e as congregarei dos países, e as introduzirei na sua terra, e as apascentarei sobre os montes de Israel, junto às correntes d’água, e em todos os lugares habitados da terra.
14 Em bons pastos as apascentarei, e nos altos montes de Israel será o seu curral; deitar-se-ão ali num bom curral, e pastarão em pastos gordos nos montes de Israel.
15 Eu mesmo apascentarei as minhas ovelhas, e eu as farei repousar, diz o Senhor Deus.
16 A perdida buscarei, e a desgarrada tornarei a trazer; a quebrada ligarei, e a enferma fortalecerei; e a gorda e a forte vigiarei. Apascentá-las-ei com justiça.

 

Salmos Litúrgicos 
Livro III
Décimo Sétimo Dia: Oração Matutina
Salmo 87 Fundamenta ejus
OS FUNDAMENTOS de Jerusalém * estão nos montes santos.
2 Ama o SENHOR as portas de Sião, * mais do que os tabernáculos de Jacó.
3 Gloriosas coisas dirão de ti, * ó cidade de Deus!
4 Farei menção do Egito e da Babilônia entre os que me conhecem. * Eis os filisteus, os de Tiro e da Etiópia: Em Sião ao nasceram eles.
5 Mas de Sião se dirá: Este e aquele originaram-se ali, * e o Altíssimo a estabelecerá.
6 O SENHOR, ao registrar os povos, observará: * Em Sião nasceram eles.
7 Exclamam os cantores e os instrumentistas: * Tu és a fonte de toda inspiração.


II Timóteo 4:1-8  
1 Conjuro-te diante de Deus e de Cristo Jesus, que há de julgar os vivos e os mortos, pela sua vinda e pelo seu reino;
2 prega a palavra, insta a tempo e fora de tempo, admoesta, repreende, exorta, com toda longanimidade e ensino.
3 Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo grande desejo de ouvir coisas agradáveis, ajuntarão para si mestres segundo os seus próprios desejos,
4 e não só desviarão os ouvidos da verdade, mas se voltarão às fábulas.
5 Tu, porém, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério.
6 Quanto a mim, já estou sendo derramado como libação, e o tempo da minha partida está próximo.
7 Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé.
8 Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda.


João 21:15-19
15 Depois de terem comido, perguntou Jesus a Simão Pedro: Simão Pedro: Simão, filho de João, amas-me mais do que estes? Respondeu-lhe: Sim, Senhor; tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta os meus cordeirinhos.
16 Tornou a perguntar-lhe: Simão, filho de João, amas-me? Respondeu-lhe: Sim, Senhor; tu sabes que te amo. Disse-lhe: Pastoreia as minhas ovelhas.
17 Perguntou-lhe terceira vez: Simão, filho de João, amas-me? Entristeceu-se Pedro por lhe ter perguntado pela terceira vez: Amas-me? E respondeu-lhe: Senhor, tu sabes todas as coisas; tu sabes que te amo. Disse-lhe Jesus: Apascenta as minhas ovelhas.
18 Em verdade, em verdade te digo que, quando eras mais moço, te cingias a ti mesmo, e andavas por onde querias; mas, quando fores velho, estenderás as mãos e outro te cingirá, e te levará para onde tu não queres.
19 Ora, isto ele disse, significando com que morte havia Pedro de glorificar a Deus. E, havendo dito isto, ordenou-lhe: Segue-me.