Os Princípios + A Obediência Comunitária

i.) Os Princípios
+
A Obediência Comunitária 

Em todas as províncias da Terceira Ordem, esta oferenda de orações deve ser feita diariamente de forma exclusiva ou no contexto da Oração Matutina ou Vespertina.

Aqui neste local e em todas tuas igrejas pelo mundo todo, nós adoramos a Ti, ó Cristo, e nos alegramos  em Ti, porque pela Tua santa Cruz redimiste o mundo.

Ocorre aqui a leitura diária de Os Princípios.

Ofereça aqui intercessões para os membros da TSSF.

 O oferecimento de oração pode continuar com a Oração Matutina ou Vespertina ou concluir com o seguinte:

 Que Nossa Bem-Aventurada Senhora ore por nós
Que São Francisco ore por nós
Que Santa Clara ore por nós
Que todos os santos da Terceira Ordem orem por nós
Que os santos anjos nos vigiem e nos favoreçam
Que Nosso Senhor Jesus nos dê sua bênção e sua paz.
Amém
e
A graça de Nosso Senhor Jesus Cristo,
e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo
sejam com todos nós para sempre.
Amém

 

OS PRINCÍPIOS (para leitura diária)

A base dos Princípios que seguem é a Regra da Christa Seva Sangha em Poona, na India. Sua sucessora, a Christa Prema Seva Sangha, teve como o seu ramo inglês a Irmandade do Amor de Cristo, St. Ives, Huntingdonshire, na Inglaterra; e este último, quando se uniu com a Irmandade de São Francisco de Assis, formando assim a Sociedade de São Francisco, transmitiu a Regra original. Esta versão foi revisada em Outubro de 1993.

 

Dia 1
PROVÍNCIA DO PACÍFICO (Ilhas Salomão de Savo e Guadalcanal, Todos os Aspirantes e Associados)
 O Objetivo: Jesus disse “Eu garanto a vocês: Se o grão de trigo, ao cair na terra, não morrer, ficará sozinho. Mas, se morrer, produzirá muito fruto. Quem tem apego á sua própria vida, vai perdê-la; quem despreza a própria vida neste mundo, vai guardá-la para a vida eterna. Se alguém me servir a mim, que me siga. E onde eu estiver, aí também estará o meu servo. Se alguém serve a mim, o Pai vai honrá-lo.” (João 12: 24-26)

 

Dia 2
PROVÍNCIA DO PACÍFICO (Ilhas Salomão de Ysabel e Malaita)
O Objetivo (continuação): Pelo exemplo de seu sacrifício pessoal, Jesus revela o segredo de como produzir frutos. Ao se entregar a si mesmo à morte, ele se torna a fonte de nova vida. Da terra erguido sobre a cruz, ele atrai todos a si. A busca ansiosa pela vida leva a própria vida ao seu declínio; a vida que é dada livremente é eterna.

 

Dia 3
PROVÍNCIA DO PACÍFICO (Ilhas Salomão de Makira e Republico de Vanuatu)
O Objetivo (continuação): Jesus convoca aqueles que o querem servir a seguir o seu exemplo e a escolher para si o mesmo caminho de renúncia e sacrifício. Para aqueles que o ouvem e o obedecem ele promete a união com Deus. O objetivo da Sociedade de São Francisco é construir a comunidade daqueles que aceitam Cristo como seu Senhor e Mestre e que a Ele são dedicados em corpo e em espírito. Eles entregam suas vidas a Ele e ao serviço de seu povo. A Terceira Ordem da Sociedade consiste daqueles que, enquanto seguem as profissões comuns da vida, sentem-se chamados a submeter suas vidas, mediante votos, a uma disciplina definida. Podem ser homens ou mulheres, ordenados ou leigos, celibatários ou casados.

 

Dia 4

PROVÍNCIA DO PACÍFICO (Aotearoa/Nova Zelândia: Auckland, Waikato e Baía de Plenty)
O Objetivo (continuação): Quando São Francisco encorajou a formação da Ordem Terceira, ele reconheceu que muitos são chamados a servir a Deus em espírito de Pobreza, Castidade e Obediência na vida diária (diferentemente da aceitação literal desses princípios como nos votos feitos pelos Irmãos e Irmãs das Ordens Primeira e Segunda). A Regra da Ordem Terceira tem como intenção permitir que as obrigações e condições da vida diária sejam conduzidas dentro deste espírito.

 

Dia 5
PROVÍNCIA DO PACÍFICO (Aotearoa/Nova Zelândia: Ilha Norte Central e Wellington)
O Primeiro Propósito da Ordem: Tornar Nosso Senhor conhecido e amado em toda parte

A Ordem é fundada na convicção de que Jesus Cristo é a revelação perfeita de Deus; que a verdadeira vida se tornou possível para nós através de sua Encarnação e ministério, por sua Cruz e Ressurreição, e pelo envio de seu Santo Espírito. A Ordem acredita que é missão da igreja tornar o Evangelho conhecido de todos e, portanto, aceita a tarefa de trazer outros ao conhecimento de Cristo e a orar e a trabalhar pela vinda do Reino de Deus.

 

Dia 6
PROVÍNCIA DO PACÍFICO (Aotearoa/Nova Zelândia: Nelson, Canterbury com Otago)
O Primeiro Propósito (continuação): O propósito principal dos terciários é, portanto, tornar Cristo conhecido.

Isto molda suas vidas e atitudes de modo que reflitam a obediência daqueles a quem Nosso Senhor escolhe para estar com Ele, sendo enviados como suas testemunhas. Como eles, as terciárias, pela palavra e pelo exemplo, testemunham a Cristo em seu próprio ambiente imediato de vida, e oram e trabalham para o cumprimento de seu mandamento de fazer discípulos de todas as nações.

 

Dia 7

PROVÍNCIA DA ÁSIA-PACÍFICA (Região de Queensland A e Queensland B)
O Segundo Propósito: Propagar o espírito de amor e harmonia

A Ordem se dispõe, em nome de Cristo, a derrubar as barreiras entre as pessoas e buscar a igualdade para todos. Os terciários aceitam como seu segundo propósito propagar o espírito de amor e harmonia entre todas as pessoas. Eles e elas são persuadidos a lutar contra a ignorância, o orgulho e o preconceito que fomentam a injustiça ou a parcialidade de qualquer forma.

 

Dia 8

PROVÍNCIA DA ÁSIA-PACÍFICA (Nova Gales do Sul Regiões A e B)

O Segundo Propósito (continuação): As terciárias lutam contra a injustiça, em nome de Cristo, para quem não poderá haver grego nem judeu, escravo nem livre, homem nem mulher; pois nele todos são um. Seu principal propósito é refletir aquela aceitação a todos que foi característica de Jesus. Isto pode ser conseguido através de um espírito de castidade que vê a todos os outros pertencendo ao mesmo Deus e não como meios de realização pessoal.

 

Dia 9

PROVÍNCIA DA ÁSIA-PACÍFICA (Victoria e Tasmânia)

O Segundo Propósito (continuação): Os terciários estão preparados não só para defender a justiça social e a paz mundial, mas para colocar esses princípios na prática de suas próprias vidas, enfrentando alegremente todo desprezo e perseguição a que isso possa levá-los.

 

Dia 10

PROVÍNCIA DA ÁSIA-PACÍFICA (Sul da Austrália a Oeste da Austrália)

O Terceiro Propósito: Viver em simplicidade

Os primeiros cristãos entregaram-se completamente a Nosso Senhor e resolutamente deram tudo o que tinham oferecendo ao mundo uma visão nova de uma sociedade na qual existe uma atitude despojada com respeito às posses materiais. Esta visão foi renovada por São Francisco quando escolheu à Senhora Pobreza como sua noiva, desejando que todas as barreiras erguidas pelos privilégios baseados na riqueza fossem derrubadas pelo amor. Esta é a fonte de inspiração para o terceiro propósito da Ordem: viver em simplicidade.

 

Dia 11

PROVÍNCIA DA ÁSIA-PACÍFICA (Malásia, Singapura, Hong Kong e Tailândia)

O Terceiro Propósito (continuação): Os terciários, embora possuam propriedades e ganhem dinheiro para sustentar a si mesmos e a seus familiares, mostram-se verdadeiros seguidores de Cristo e de São Francisco pela disposição de viver em simplicidade e de partilhar com os outros. Eles reconhecem que alguns de seus membros podem ser chamados a seguir literalmente a São Francisco numa vida de extrema simplicidade. Todos, entretanto, aceitam evitar o luxo e o desperdício, e consideram suas posses como algo a eles confiados por Deus.

 

Dia 12

PROVÍNCIA DA ÁSIA-PACÍFICA (Papua Nova Guiné)

O Terceiro Propósito (conclusão): Os gastos pessoais das terciárias são limitados ao que é necessário para sua manutenção da saúde e bem estar, assim como a de seus dependentes. Eles aspiram a se colocar livres de toda dependência da riqueza, mantendo-se sempre cônscios da existência da pobreza no mundo e de seu envolvimento responsável de cada um deles nessa condição de penúria. Os terciários estão mais preocupados com a generosidade que tudo dá, do que com o valor da pobreza em si. Dessa forma eles refletem em espírito a aceitação do desafio de Jesus a vender tudo, dar tudo aos pobres e segui-lo.

 

Dia 13

PROVÍNCIA DA ÁFRICA (Uganda, Zimbábue)

As Três Formas de Serviço: As terciárias desejam estar à imagem de Jesus Cristo, a quem nós servimos de três formas: pela Oração, pelo Estudo e pelo Trabalho. Na vida da Ordem como um todo essas três formas devem encontrar uma expressão plena e equilibrada, mas não se espera que todos os membros respondam da mesma maneira a cada uma delas. Cada maneira individual de servir varia de acordo com as habilidades e circunstâncias, mas a regra de vida pessoal do membro inclui todas as três formas de serviço.

 

Dia 14

PROVÍNCIA DA ÁFRICA (Tanzânia e Zâmbia)

A Primeira Forma de Servir: A Oração

Os terciários buscam viver em uma atmosfera de louvor e oração. Elas aspiram estar sempre cônscios da presença de Deus, de maneira que possam verdadeiramente orar sem cessar. Sua crescente devoção ao Cristo onipresente é fonte de força e alegria. É o amor de Cristo que os inspira a servir e os fortifica para o sacrifício.

 

Dia 15

PROVÍNCIA DA ÁFRICA (Lesoto)

A Primeira Forma de Servir (continuação): O centro da oração dos terciários é a Eucaristia, na qual participam com outros cristãos da renovação dessa sua união com seu Senhor e Salvador em seu sacrifício, lembrando sua morte e recebendo dele o alimento espiritual.

 

Dia 16

PROVÍNCIA DA ÁFRICA (Cidade do Cabo, Cabo Oriental, Kokstad)

A Primeira Forma de Servir (continuação): As terciárias reconhecem o poder da oração intercessora para aprofundarem-se nos propósitos do reino de Deus, e, portanto, buscam mais profunda comunhão com Deus na devoção pessoal, intercedendo constantemente pelas necessidades de sua igreja e de seu mundo. Aqueles que têm muito tempo a sua disposição, reservam para a oração uma parte grande de suas vidas diárias. Aqueles com menos tempo não devem descuidar da importância da oração, guardando o tempo a ela dedicado sem interrupções. Por fim, os terciários são encorajados a utilizarem-se do sacramento da Reconciliação, através do qual a carga do pecado e dos erros passados é aliviada e a paz e a esperança é restaurada.

 

Dia 17

PROVÍNCIA DA ÁFRICA (Durban e Johannesburg)

A Segunda Forma de Serviço: O Estudo

“Esta é a vida eterna: que conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e aquele que tu enviaste, Jesus Cristo.” (João 17:3)
O verdadeiro conhecimento é o conhecimento de Deus. Assim, os terciários dão prioridade ao estudo devocional das Escrituras como um dos meios predominantes para se adquirir o conhecimento de Deus que leva à vida eterna.

 

Dia 18

PROVÍNCIA DA ÁFRICA (Gana)

A Segunda Forma de Serviço (continuação): Assim como o estudo devocional das Escrituras, todos reconhecem sua responsabilidade cristã de buscar outros campos de estudo, tanto sagrados como seculares. Em particular, há membros da Ordem que aceitam a tarefa de contribuir, através de sua pesquisa e obras, para uma melhor compreensão da missão da igreja no mundo: a aplicação dos princípios cristãos quanto ao uso e à distribuição das riquezas, as questões concernentes à justiça e à paz e todas as outras questões referentes à vida na fé.

 

Dia 19

PROVÍNCIA DA EUROPA (Suécia, Irlanda e Escócia)

A Terceira Forma de Serviço: O Trabalho

Jesus tomou sobre si a forma de servo. Ele veio não para ser servido, mas para servir. Ele andou por toda parte fazendo o bem: curando os doentes, pregando as boas novas aos pobres e trazendo esperança para os desvalidos.

 

Dia 20

PROVÍNCIA DA EUROPA (Nordeste e Noroeste da Inglaterra)

A Terceira Forma de Serviço (continuação): As terciárias se esforçam para servir ativamente aos outros. Eles procuram encontrar expressão para cada um dos três propósitos da Ordem em suas vidas, e sempre que possível ajudam concretamente a outros que estejam engajados em trabalhos semelhantes. A principal forma de serviço que os terciários têm para oferecer é refletir o amor de Cristo, que, em beleza e poder, é a inspiração e a alegria de suas vidas.

 

Dia 21

PROVÍNCIA DA EUROPA (Midlands Oriental e Yorkshire)

As Três Notas da Ordem: Humildade, amor e alegria são as três notas que marcam as vidas das terciárias. Quando estas características se tornam evidentes por toda a Ordem, seu trabalho irá frutificar. Sem essas notas, tudo que for tentado será em vão.

 

Dia 22

PROVÍNCIA DA EUROPA (Inglaterra, central e oriental)

A primeira Nota: A Humildade

Os terciários sempre têm diante de si o exemplo de Cristo, que se esvaziou a si mesmo, tomando a forma de servo, e que, nos últimos dias de sua vida, humildemente lavou os pés de seus discípulos. Eles de maneira semelhante, buscam servir uns aos outros com humildade.

 

Dia 23

PROVÍNCIA DA EUROPA (Inglaterra sudoeste e Londres, Inglaterra central sul)

A Primeira Nota (continuação): A humildade confessa que nada temos que não tenhamos recebido e admite o fato de nossa insuficiência e de nossa dependência em Deus. É a base das virtudes cristãs. São Bernardo de Claraval disse: “Nenhuma casa espiritual pode se erguer um só momento senão sobre o fundamento da humildade.” É a primeira condição para uma vida alegre dentro de uma comunidade.

 

Dia 24

PROVÍNCIA DA EUROPA ( Inglaterra Sudoeste, Gales, Midlands Severn oeste, Os Marches)

A Primeira Nota (continuação): As falhas que vemos nos outros são objeto de oração e não de crítica. Nós cuidamos para remover a trave de nosso próprio olho antes de nos oferecermos para remover o argueiro do olho dos outros. Nós estamos prontos a aceitar o último lugar quando nos for pedido e a voluntariar-nos a tomá-lo. Contudo, solicitados a executar trabalho para o qual nós nos sentimos indignos ou incapazes, nós não o recusamos com base na humildade, e com confiança aceitamos-o através do poder que se aperfeiçoa na fraqueza.

 

Dia 25

PROVÍNCIA DAS AMÉRICAS (Estados Unidos e Porto Rico)

A Segunda Nota: O Amor

Jesus disse, “Eu dou vocês um mandamento novo: Amem-se uns aos outros. Assim como eu amei vocês, que vocês se amem uns aos outros. Se vocês tiverem amor uns aos outros, todos vão reconhecer que vocês sãos meus discípulos.” João 13:34-35.
O amor é característica que distingue todos os verdadeiros discípulos de Cristo que a Ele desejam dedicar-se como seus servos.

 

Dia 26

PROVÍNCIA DAS AMÉRICAS (Brasil e Guiana)

A Segunda Nota (continuação): Portanto, as terciárias anseiam por amar a todos a quem estão ligados por laços de família ou amizade. Seu amor por eles e elas se desenvolve à medida que seu amor por Cristo se aprofunda.
Nós temos um amor e uma afeição especiais para com os demais membros da Terceira Ordem, orando uns pelos outros individualmente e buscando crescer nesse amor. Nós estamos de guarda contra qualquer coisa que possa prejudicar este amor, e nós procuramos a reconciliação com aqueles de quem nós estamos separados. Nós buscamos ter o mesmo amor para com aqueles com quem temos pouca afinidade natural, pois este tipo de amor não se firma na emoção, mas é um elo firmado em nossa própria união comum com Cristo.

 

Dia 27

SOCIEDADE DE SÃO FRANCISCO (Ministro Geral da Primeiras Ordens, Abadessa da Segunda Ordem, Ministros Provinciais das Primeiras Ordens)

A Segunda Nota (continuação): A Terceira Ordem é uma comunidade cristã, cujos membros, embora variando na raça, na educação e no caráter, estão unidos nessa comunidade viva e única através do amor partilhado em Cristo. Esta unidade de todos os que nele creem se tornará, como Nosso Senhor pretendeu, para o mundo uma testemunha viva da divina missão de Nosso Senhor, assim como Ele o desejava.
Em seu relacionamento com os de fora da Ordem, os terciários mostram amor semelhante ao de Cristo, e com alegria se tornam desprendidos, lembrando que o amor é medido pelo sacrifício.

 

Dia 28

PROVÍNCIA DAS AMÉRICAS (Caribe: Trinidad e Tobago, Republica Dominicana, Jamaica, Nevis e Costa Rica)

A Terceira Nota: A Alegria

Os terciários, regozijando-nos sempre no Senhor, mostramos em nossas vidas a graça e a beleza do júbilo divino. Nós relembramos que somos seguidores do Filho do Homem, aquele que comia e bebia, que amava os pássaros e as flores, que abençoava as crianças pequenas, que era amigo de coletores de impostos e de pecadores, e que se sentava à mesa tanto de ricos como de pobres. Nós nos divertimos e rimos, regozijamo-nos com o mundo de Deus, com sua beleza e com as criaturas viventes, não reconhecemos a nada como coisa comum ou impura. Nós nos misturamos livremente com outras pessoas, estamos sempre dispostos a confortar os de coração quebrantado, e a trazermos alegria às vidas dos outros. Trazemos dentro de nós uma paz e uma felicidade interiores que os outros podem perceber, mesmo se não conhecem a fonte de onde elas provêm.

 

Dia 29

PROVÍNCIA DAS AMÉRICAS (Canadá)

A Terceira Nota (continuação): Esta alegria é um dom divino, proveniente da união com Deus em Cristo. Ela ainda permanece existindo mesmo em tempos de trevas e dificuldades, dando uma coragem animadora em face de desapontamentos e uma serenidade e confiança profundas no meio da doença e do sofrimento. Aqueles que a possuem, podem se alegrar na fraqueza, em meios a insultos, dureza e perseguições por causa de Cristo; pois quando nós estamos fracos, eis que, então nos tornamos fortes.

 

Dia 30

PROVÍNCIA DAS AMÉRICAS (México)

As Três Notas

A humildade, o amor e a alegria que marcam as vidas das terciárias são todas elas graças dadas por Deus. Elas não podem ser conseguidas pelo esforço humano. Elas são dádivas do Espírito Santo. O propósito de Cristo é operar milagres através daquelas pessoas que almejam se esvaziar e se entregar a Ele. Nós nos tornamos, então, canais de graça através dos quais a obra poderosa de Cristo se realiza.

 

Dia 31

IRMÃOS E IRMÃS FRANCISCLARIANAS ATRAVÉS DO MUNDO ( Ministro Geral e Ministros Provinciais da Terceira Ordem)

Outras Ordens Franciscanas no mundo
Irmãos Franciscanos da Divina Providência (Porto Rico e República Dominicana)
Comunidade da Divina Compaixão (Zimbábue)
Fraternidade Franciscana Coreana
Irmandade Franciscana Coreana
Os Pequenos Irmãos de São Francisco – Austrália
Ordem de Santa Clara, Freeland, Reino Unido
Ordem dos Franciscanos Ecumênicos
Ordem Franciscana Secular – Católica Romana
Ordem dos Franciscanos da Reconciliação (Ecumênicos – Comunhão Católica) 

Irmãos e Irmãs em outras Ordens Religiosas Cristãs da IEAB
   Ordem de São Tiago OST
   Ordem de Oblatos Beneditinos OSB
   Ordem de Anglicanos Franciscanos OAF