Category: Santos mês 03

9 de março – Gregório , Bispo de Nissa

jan 27 2010

gregorio-de-nissa

Gregório, Bispo de Nissa, (331-394).

Teólogo e filósofo cristão nascido em Cesaréia, da Capadócia, na Anatólia, Ásia Menor, hoje Kayseri, Turquia, irmão de Basílio de Nissa, destaque na consagração do pensamento cristão e um dos personagens mais significativos da idade de ouro da Patrística e um dos precursores do trabalho de Santo Agostinho. Estudou em Cesaréia, Alexandria e Atenas e começou a vida como professor de retórica até que se voltou para os estudos religiosos e para a devoção cristã (360). Foi consagrado bispo de Nissa, pequena localidade da Capadócia (371) por seu irmão Basílio, bispo metropolitano de Cesaréia. Deposto (376) por Valenciano, imperador arianista, doutrina que negava a divindade de Cristo, mas reconquistou o cargo (378), após a morte do imperador. Nos anos seguintes desempenhou intensa atividade eclesiástica, visitou várias igrejas da Anatólia e participou do Concílio de Constantinopla (381), onde com seus textos anti-heréticos formulou a doutrina da Santíssima Trindade, utilizando argumentos inspirados na teoria das idéias de Platão. Sua obra teológica de maior destaque foi O grande discurso catequético. Também merece destaque o seu Criação do homem.

Leia+

12 de março – Gregório Magno, Bispo de Roma, 604

jan 25 2010


Sao-gregorio-magno

12 DE MARÇO – GREGÓRIO MAGNO, BISPO DE ROMA, 604

 São Gregório Magno nasceu em Roma, por volta de 540. Pertencia a uma das principais famílias romanas. É considerado um dos mais célebres papas da história da Igreja. Afirmam os historiadores que toda a Idade Média viveu sob o signo do pensamento de São Gregório Magno. Seu pontificado durou 14 anos (de 3 de setembro de 590 a 12 de março de 604). Foi o primeiro a usar o nome de servo dos servos de Deus. Fundou sete mosteiros, seis na Sicília e um em Roma. Organizou a defesa de Roma, ameaçada pelas invasões dos bárbaros; organizou a administração dos bens públicos, cuidou dos aquedutos, lutou pelos interesses dos colonos e contra os poderosos que ainda teimavam em escravizá-los.

Leia+

17 de março – Patrício, Bispo e Missionário da Irlanda, 461

jan 23 2010

 

patricio

17 DE MARÇO – PATRICIO, BISPO E MISSIONÁRIO DA IRLANDA, 461

Muito reverenciado nos Estados Unidos como S. Patrick. Em Nova York existe uma linda catedral com o seu nome. Viveu de 385 a 461. É o padroeiro da Irlanda e um dos mais amados de todos santos, nos países de língua inglesa. Magnonius Sucatus Patricius era um cidadão romano nascido na Bretanha Romana perto de Bannavem Taburniae (um local desconhecido talvez na baixa Severn, em North Wales), filho de Calpurnius, um diácono e neto de um padre de nome Potitus (não era incomum os diáconos e padres se casarem naquela época).Capturado na idade de 16 anos por bandidos irlandeses foi levado para a Irlanda e vendido como escravo. Ele cuidava de um rebanho no Condado de Antrim (embora a tradição diga que ele cuidava do rebanho na Floresta de Voclut, a qual é perto de Killara no condado de Mayo). Durante 6 anos ele foi escravo e no verão de 407 estava em um navio transportando cães de caça irlandeses para o continente quando ao aportarem em Gaul, foram atacados por nórdicos e Patrick ficou aos cuidados de uma Instituição Monástica da região;

Leia+

19 de março – São José

jan 21 2010

 

saojose

19 DE MARÇO – SÃO JOSÉ

São José é um dos santos mais conhecidos no Cristianismo, tanto que inspirou o nome a dezenas de santos da Igreja e também a outros cristãos. Último dos patriarcas, pai “adotivo” de Jesus Cristo, marido de Maria. José foi carpinteiro e viveu em Nazaré. Ele não era rico, tanto que, quando ele levou Jesus ao Templo para ser circuncidado, e Maria para ser purificada, ele ofereceu o sacrifício de um par de rolas ou dois pombinhos, permitido apenas àqueles que não tinham condições de comprar um cordeiro (Lucas 2,24).
Apesar de seu humilde trabalho e suas condições, José veio de uma linhagem real. Lucas e Mateus discordam um pouco em relação aos detalhes da genealogia de José, mas ambos marcam sua descendência a partir de Davi, o maior rei de Israel (Mateus 1,1-16 e Lucas 3,23-38). Realmente, o anjo que primeiro conta a José sobre Jesus o saúda como “filho de Davi,” um título real usado também para Jesus.
Sua fé em Deus, é comprovada em três episódios: primeiro quando recebeu, em sonho, o aviso de que Maria esperava um filho, e este seria o Messias, o Filho do Altíssimo, que se chamaria Jesus.

Leia+

21 de março – Thomas Cranmer, Arcebispo de Cantuária e Mártir, 1556

jan 19 2010

cranmer

21 DE MARÇO – THOMAS CRANMER, ARCEBISPO DE CANTUÁRIA E MÁRTIR, 1556 (1489 – 1556)

1)  A princípio, Henrique VIII buscou favorecer a Reforma, mas depois, de 1539 a 1547, moveu uma perseguição aos protestantes. Em 1539, foram aprovados pelo Parlamento os Seis Artigos, que tornavam obrigatória a crença em doutrinas características da Igreja Católica Romana: a transubstanciação, a comunhão sob uma espécie, o celibato e a confissão auricular. Na teologia, a Igreja continuou fiel a Roma.

Em 1547, Eduardo VI, um menino muito enfermo, tornou-se rei, nessa época Thomas Cranmer empenhou-se em transformar a igreja da Inglaterra em protestante. A Reforma protestante avançou rapidamente na Inglaterra, pois o Duque de Somerset, o regente do trono, simpatizava-se com a fé reformada.

Leia+