Category: Santos de novembro

23 de novembro – São Clemente, 100

out 03 2013

200px-San_Clemente_de_RomaSão Clemente I,também conhecido como Clemente Romano (em latim,Clemens Romanus), foi o quarto papa da Igreja Católica, entre 88 e 97. Nascido em Roma, nos arredores do Coliseu, de família hebraica, foi um dos primeiros a receber o batismo de São Pedro. Foi sucessor de Anacleto I (ou Cleto) e autor daEpístola de Clemente aos Coríntios (segundo Clemente de Alexandria e Orígenes), o primeiro documento de literatura cristã, endereçada à Igreja de Corinto. Ele foi o primeiro Pai da Igreja1 .

Discípulo de São Pedro, após eleito restabeleceu o uso da Crisma, seguindo o rito do primeiro Papa e iniciou o uso da palavra Amém nas cerimônias religiosas. É conhecido pela carta que escreveu para atender a um pedido da comunidade de Corinto, na qual rezava uma convincente censura à decadência daquela igreja, devida sobretudo às lutas e invejas internas entre os fiéis (consta que os presbíteros mais jovens teriam usurpado as prerrogativas dos mais velhos), estabelecia normas precisas referentes à ordem eclesiástica hierárquica (bispos, presbíteros, diáconos) e ao primado da Igreja de Roma, que se ressalta ainda mais pelo fato de São João Evangelista ainda estar vivo e não ter intervido em tal crise.

Origem: Wikipédia

01 de novembro – TODOS OS SANTOS

nov 30 2009

todososantosFesta de Todos-os-Santos

Valho-me do Artigo abaixo editado por D. Fernando Soares, Bispo Diocesano da Igreja Lusitana – Lisboa – Portugal, Igreja em comunhão com a Sé de Cantuária:

“Como Igreja Católica – parte da Tradição que nos vem desde a Igreja Primitiva – a Igreja Lusitana celebra a Festa de Todos-os-Santos no próximo dia 1 de Novembro.

A origem desta festa vem desde o costume da Igreja do século I, de celebrar a eucaristia ao redor das sepulturas dos mártires.
Mais tarde, no século V, começou-se a realizar uma festa em honra de mártires, conhecidos e desconhecidos, na sexta-feira depois da Páscoa na liturgia Síria e no oitavo dia de Pentecostes na liturgia Bizantina.
Na Igreja do Ocidente, a celebração anual de “todos os mártires e Todos os Santos e de nossa Senhora” que se realizava a 13 de Maio, desde o século VII, mudou-se para o 1º de Novembro no tempo do Papa Gregório III (731-41) que naquele dia dedicou uma capela em S. Pedro, em Roma, ao Salvador, Maria, apóstolos, mártires e confessores. Mais tarde, em 835 a festa passou a ter o nome Todos-os-Santos.

Leia+

3 de novembro – Richard Hooker – Presbítero – 1600

nov 30 2009
hookerRichard Hooker, Presbítero, 1600

Mestre da prosa e da filosofia das leis em língua inglesa nascido em Heavitree, nos arredores de Exeter, criador da teologia anglicana e um dos maiores defensores de sua igreja diante dos ataques dos puritanos e dos católicos romanos. Estudou no Corpus Christi College, em Oxford e, embora não tenha sido ordenado, foi nomeado master do templo e pregador. Processado por heresia, devido à oposição ao puritanismo, retirou-se então para se dedicar à análise da situação constitucional da igreja na Inglaterra. Em sua obra mais importante, Of the Laws of Ecclesiastical Polity (1594), introduziu um novo elemento de debate: a razão humana. Para ele o homem não seria capaz de interpretar as leis divinas, mas é dotado de livre arbítrio quanto às leis naturais. Faleceu em Bishopsbourne, perto de Canterbury, Kent.

Fonte: wwww.dec.ufcg.edu.br/biografias/

 

8 de Novembro – Todos os Santos e Mártires da Comunhão Anglicana

nov 26 2009

Westminster_Abbey_-_20th_Century_Martyrs8 de novembro  Todos Os Santos e Mártires da Comunhão Anglicana

Deus de toda a terra; nós te louvamos por aqueles que nos legaram a herança Anglicana de darem testemunho de Cristo na vida e na morte; fortalece-nos a construir a nossa vida sobre os fundamentos que tu estabeleceste e que o teu nome seja glorificado em todo o mundo através de Jesus Cristo, nosso Senhor; e que o Espírito Santo esteja sempre em nós de uma forma viva e surpreendentemente nova. Amém (1)”. 

Prestar homenagem a todos os Santos e Mártires da Comunhão Anglicana, é lembrar os feitos daqueles que ao nos antecederem, que deram tudo de sí pela causa do Evangelho em meio a ceticismos e incompreensões, abrindo caminhos em locais inóspitos para que hoje estejamos nos beneficiando das suas sofridas experiências. A Comunhão Anglicana, nascida com a primeira Conferência de Lambeth em 1867, mesmo contando com as dificuldades de cada componente espalhado ao redor do mundo em relação às implicações inerentes a uma idéia tão complexa no sentido do funcionamento prático, estabeleceu-se na realidade como uma comunhão de igrejas autônomas. 

Leia+

11 de novembro – Martinho Lutero

nov 24 2009

lutero11 de novembro – Martinho Lutero

O surgimento dos luteranos está ligado aos inícios da Reforma. A idéia central da Reforma é a convicção de que o ser humano não pode nem tem necessidade de salvar-se por si mesmo. Antes, a salvação é dada em Cristo “unicamente pela graça” e aceita “somente pela fé”. Aparentemente simples, esse pensamento, biblicamente fundamentado, originou uma nova compreensão da Igreja, do sacerdócio, dos sacramentos, da espiritualidade, da devoção, da conduta moral (ética), do mundo, incluindo aí a economia, a educação e a política. Há um nome indissoluvelmente ligado a essas idéias: Martinho Lutero!

Leia+